Document details

Auto-conceito de competência e auto-aprendizagem em alunos do ensino secundário

Author(s): Magalhães, Maria Susana Nogueira cv logo 1

Date: 2011

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10284/1983

Origin: Repositório Institucional - Universidade Fernando Pessoa


Description
O trabalho que aqui apresentamos pretende analisar de uma forma integrada o auto-conceito de competência e a auto-aprendizagem de alunos que frequentam duas vias/modalidades de ensino secundário distintas – os Cursos Científico-Humanísticos e os Cursos Profissionais –, procurando contribuir para uma melhor compreensão das características motivacionais que podem estar na base das opções vocacionais. Na verdade, as escolhas vocacionais estão intimamente relacionadas com as características motivacionais dos alunos, as quais remetem para necessidades, preferências, interesses, motivações, aspirações e expectativas e, até mesmo, para percepções e sentimentos acerca da competência pessoal e da sua capacidade para aprender. Desta forma, o estudo dessas características mostra-se particularmente importante para que possamos não só conhecer melhor os alunos, mas também para que se promovam e desenvolvam práticas educativas mais adequadas, de tal modo que as diferentes vias do ensino secundário possam oferecer modalidades de formação que vão ao encontro das características e dos projectos vocacionais dos alunos. Assim, o presente estudo foi realizado com uma amostra de 578 alunos dos três anos do ensino secundário (10.º ao 12.º anos de escolaridade), que estavam a frequentar um Curso Científico- Humanístico ou um Curso Profissional. Estes alunos pertenciam a três escolas do Vale de Sousa – distrito do Porto (duas escolas secundárias públicas e uma escola profissional). Para caracterizar a amostra foi utilizado um Questionário Sócio-Demográfico (QSD), criado para o efeito. Para avaliar os dois construtos objecto desta investigação, foram utilizadas a Escala de Auto-Conceito de Competência (EACC) de Räty e Snellman (1992), adaptada ao contexto português por Faria e Lima Santos (2004; 2008), e a Escala de Auto-Aprendizagem (EAA) de Lima Santos e Faria (2007). Após a recolha dos dados, foram realizados estudos descritivos para conhecer as características da amostra, bem como estudos diferenciais (para investigar diferenças em ambos os construtos em função de variáveis como o género, o nível sócio-económico, a via/modalidade de ensino, o ano de escolaridade frequentado e as aspirações e expectativas escolares e/ou profissionais após a conclusão do ensino secundário) e estudos de correlação (para investigar a relação entre os dois construtos). Os resultados encontrados mostram que quer no auto-conceito de competência, quer na autoaprendizagem se encontram diferenças em função do género, do nível sócio-económico, da via/modalidade de ensino, do ano de escolaridade, e das aspirações e expectativas escolares e/ou profissionais após a conclusão do secundário. Os resultados mostram também que os dois construtos estão correlacionados positivamente entre si. Por último, após a análise e discussão dos resultados encontrados, levantam-se pistas para futuras investigações e apresentam-se sugestões de intervenção nesta área. The following study intends to analyze competence self-concept and self-learning competence of students who attend two different vocational paths at Portuguese secondary school – the Scientific- Humanistic Courses and the Professional Courses – trying to contribute to a better understanding of the motivational characteristics that may be at the basis of vocational choices. The vocational choices are closely related to the motivational characteristics of students, which refer to needs, preferences, interests, motivations, ambitions and expectations, and even to perceptions and feelings about personal competence and ability to learn. Thus, the study of these characteristics is particularly important not only for us to be able to know better the students, but also to promote and develop more appropriate educational practices, so that the different secondary school vocational paths can offer training opportunities that meet students’ characteristics and their vocational projects. This study was conducted with 578 students from the three years of secondary school (10th to 12th grades) who were attending a Scientific-Humanistic Course or a Professional Course. These students belong to three schools located in the Vale do Sousa – O’Porto’s District (two public secondary schools and one professional school). To characterize the sample, we used a Socio-Demographic Questionnaire (SDQ) created for this purpose. To assess the two constructs, we used the Competence Self-Concept Scale (CSCS) by Räty and Snellman (1992), that was adapted to the Portuguese context by Faria and Lima Santos (2004; 2008), and the Self-Learning Competence Scale (SLCS) by Lima Santos and Faria (2007). After the data collection, we conducted descriptive studies (to determine the characteristics of the sample), differential studies (to investigate differences in both constructs taking into consideration some variables such as gender, socio-economic level, vocational path, school grade, and academic and/or professional ambitions and expectations for the future after the conclusion of the secondary school), and correlation studies (to investigate the relationship between the two constructs). The results show that both competence self-concept and self-learning competence differ according to students’ gender, socio-economic level, the vocational path they choose, the school grade they are attending, and their academic and/or professional ambitions and expectations for their future after the conclusion of the secondary school. The results also show that the two constructs are positively correlated to each other. Finally, after the results’ analysis and discussion, we suggest some directions for future research and intervention in this area. Dissertação apresentada à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Psicologia, especialização em Psicologia da Saúde e Intervenção Comunitária.
Document Type Master Thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Santos, Nelson Lima; Neves, Sílvia Pina
delicious logo  facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
degois logo
mendeley logo

Related documents

No related documents