Document details

Vias de sinalização intracelular envolvidas na expressão da isoforma indutível ...

Author(s): Rosete, Maria Teresa de Teixeira Cruz cv logo 1

Date: 2004

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10316/532

Origin: Estudo Geral - Universidade de Coimbra

Subject(s): Farmacologia


Description
As células dendríticas (DC), normalmente conhecidas como células apresentadoras de antigénio profissionais, desempenham um papel crucial na regulação da resposta imunológica. Estas células possuem a capacidade de captar, processar e apresentar antigénios aos linfócitos T virgens (naive), que desta forma são activados e entram num processo de proliferação e diferenciação celular. O trabalho apresentado nesta dissertação teve por objectivo o estudo dos eventos de sinalização intracelular que ocorrem após a interacção do lipopolissacarídeo (LPS), o factor estimulante de colónias de macrófagos e granulócitos (GM-CSF) e alergénios de contacto, com as DC. Como modelo experimental utilizou-se uma linha celular imatura, obtida a partir da pele de feto de murganho (FSDC), que possui as características das DC da epiderme. Os resultados obtidos demonstraram que o LPS e o GM-CSF aumentaram a expressão da proteína inflamatória sintase do monóxido de azoto (iNOS) e a produção de óxido nítrico (NO) pelas FSDC. A expressão da iNOS demonstrou ser dependente da cinase de Janus 2 e do factor de transcrição NF-kB. Dos dois alergénios de contacto estudados, o 2,4-dinitrofluorbenzeno (DNFB) e o níquel, causadores de dermatite de contacto alérgica (DCA), apenas o níquel aumentou a expressão da iNOS com o consequente aumento da produção de NO pelas células FSDC. Os dois alergénios de contacto induziram a ligação do NF-kB ao ADN, mas activaram diferentes subunidades deste factor de transcrição. O conhecimento das alterações biológicas ocorridas nas DC é essencial para: i) aperfeiçoar estratégias imuno-terapêuticas que utilizam estas células com o objectivo de modular as respostas imunológicas contra cancros e infecções; ii) validar testes in vitro que permitam identificar compostos químicos com potencial para induzir DCA e substituir as técnicas actuais que recorrem a animais de laboratório. Tese de doutoramento em Farmácia (Farmacologia) apresentada à Fac. de Farmácia da Univ. de Coimbra
Document Type Doctoral Thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Lopes, Maria Celeste Fernandes; Duarte, Carlos Bandeira
delicious logo  facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
degois logo
mendeley logo

Related documents


    Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia