Document details

o impacto do exercício físico no estado nutricional : trabalho de investigação ...

Author(s): Rodrigues, Carla cv logo 1

Date: 2008

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10216/54617

Origin: Repositório Aberto da Universidade do Porto

Subject(s): Universidade do Porto, Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação, Licenciatura em Ciências da Nutrição--Dissertações; Ciências da Nutrição--Tese de licenciatura; Áreas de estágio--Nutrição Clínica--Restauração e Alimentação Colectiva--Nutrição Comunitária (Saúde Pública)--Relatório de estágio; Obesidade; Actividade Física; Estado Nutricional


Description
Resumo da tese:Revisão: Os indivíduos portadores de DM têm tendência para a obesidade, aumentando desta forma o risco de desenvolver doenças cardiovasculares. O EF tem um papel primordial nesta questão. Objectivo: Analisar o estado nutricional de jovens adultos com DM moderada, com excesso de peso ou obesidade, e sedentários. Amostra: Participaram neste estudo 18 indivíduos (11 do sexo feminino e 7 do sexo masculino, idade entre 20-40 anos), divididos em 2 grupos de 9 utentes: um foi submetido a um programa de prática de EF com intensidade moderada, por um período de quatro meses (GEF), e o outro não (GNEF). Métodos: Composição corporal através da antropometria e BIA, e hábitos alimentares através de um inquérito das 24 horas anteriores. Resultados: Após o programa de EF, o GEF apresentou valores mais baixos de MG, assim como de perímetro abdominal e PC. A MIG também sofreu acréscimos. O GNEF por seu turno apresentou valores mais altos de MG e PC, IMC e diminuição nos de MIG. Foram encontradas correlações fortes entre as variáveis em estudo e diferenças estatisticamente significativas no GEF para as variáveis PC, IMC, perímetro abdominal, PAS crural, BIA, MG, MIG. Conclusões: O EF pode provocar melhorias na composição corporal e portanto no estado nutricional em indivíduos obesos. Contudo, não é possível afirmar que o mesmo não aconteceria com indivíduos com sobrecarga ponderal ou mesmo normoponderais. Thesis abstract:Background: Individuals with mental retardation tend to be obese, increasing the risk of developing coronary heart diseases. Physical exercise (PE) plays a major role in this area. Purpose: Evaluate the nutritional status of young adults with mental retardation with overweight and obesity and sedentary. Subjects: Participants were 18 individuals (11 females and 7 males, age between 20-40 years), randomized in 2 groups of 9: one was submitted to a program of PE (GEF) for four months and the other did not (GNEF). Methods: Body composition using anthropometry measurements, electric bioimpedance (BIA) and food habits using a 24 hours recall. Results: At the end of the training program, the GEF presented reduced values for fat body mass (FM) as for the waist circumference and body weight (BW). The lean mass also revealed improves. By the other side, the GNFE presented higher values for the BFM, BW and Body Mass Index (BMI), and reduction in lean mass (LM) values. Strong correlations were found between the variables evaluated and significant differences in GEF for BW, BMI, abdominal circumference, crural skin fold, BIA, FM and LM. Conclusions: Physical exercise can improve the body composition and therefore enhance the nutritional status in obese individuals. However, it isn´t possible to say that this wouldn´t happen in individual with only excessive BW or even normal BW. Contém um relatório de estágio curricular realizado na Associação Portuguesa de Pais e Amigos do Cidadão Deficiente Mental de Viana do Castelo, no âmbito da licenciatura em Ciências da Nutrição pela Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da Universidade do PortoO exemplar do relatório de estágio existe apenas em formato papel e está disponível para consulta na Biblioteca da FCNAUP Tese de licenciatura em Ciências da Nutrição apresentada à Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da Universidade do Porto
Document Type Report
Language Portuguese
Editor(s) Ruivo, Elisa
delicious logo  facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
degois logo
mendeley logo