Document details

Comportamento pedagógico dos instrutores de Fitness em aulas de grupo de locali...

Author(s): Franco, Susana cv logo 1

Date: 2009

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10400.15/412

Origin: Repositório Científico do Instituto Politécnico de Santarém

Subject(s): comportamento pedagógico; instrutores de Fitness; aulas de grupo; localizada


Description
Tese de doutoramento para obtenção O presente trabalho centrou-se no estudo do comportamento pedagógico dos instrutores da actividade de grupo de Fitness Localizada. Foi construído e validado um novo sistema de observação do comportamento dos instrutores de aulas de grupo de Fitness (SOCIF), o qual foi utilizado para codificar os comportamentos observados nos vídeos das aulas de Localizada de 62 instrutores, caracterizando a sua intervenção. Foi também construído e validado um questionário acerca da percepção e da preferência do comportamento pedagógico dos instrutores de aulas de grupo de Fitness, com o qual foi possível aceder à percepção e à preferência dos praticantes de Localizada (n = 447) acerca do comportamento do instrutor. Foi ainda colocada uma questão acerca da satisfação global dos praticantes com o instrutor. A preferência, a satisfação específica (preferência - percepção) dos praticantes com cada um dos comportamentos e a satisfação global foram também caracterizadas. Foram colocadas 7 hipóteses de estudo, tendo-se concluído o seguinte. H1: Verificou-se existir associação linear positiva entre o comportamento observado nos instrutores e a percepção dos praticantes nos comportamentos: Correcção Com Exercício; Conversas com Alunos Com Exercício; Conversas com Alunos Sem Exercício. No comportamento de Gestão Com Exercício verificou-se existir uma associação linear significativa, mas negativa, em vez de positiva. Não se verificou existir associação linear positiva entre o comportamento observado nos instrutores e a percepção dos praticantes nos comportamentos de Avaliação Positiva (Com e Sem Exercício) e de Avaliação Negativa (Com e Sem Exercício). Constatou-se existirem também outras relações lineares significativas entre o comportamento observado nos instrutores e a percepção dos praticantes: Informação Com Exercício, Informação Sem Exercício, Questionamento Com Exercício; Questionamento Sem Exercício; Afectividade Positiva Com Exercício; Afectividade Positiva Sem Exercício; Afectividade Negativa Com Exercício; Afectividade Negativa Sem Exercício; Pressão Com Exercício; Pressão Sem Exercício; Conversas Com Outros Com Exercício; Atenção às Intervenções Verbais dos Alunos Sem Exercício; Atenção às Intervenções Verbais de Outros Com Exercício. H2: Apenas se verificou existir associação linear significativa positiva entre o comportamento observado nos instrutores e a preferência dos praticantes em 7 dos 33 comportamentos, nomeadamente: Informação Com Exercício; Questionamento Com Exercício; Afectividade Positiva (Com e Sem Exercício); Afectividade Negativa Sem Exercício; Conversas com Alunos Com Exercício; Conversas com Outros Com Exercício. Constatou-se também existir uma relação linear significativa entre o comportamento observado nos instrutores e a preferência dos praticantes, mas negativa, em vez de positiva, na Avaliação Positiva Sem Exercício. H3: Verificou-se existir associação linear significativa positiva entre a percepção e a preferência dos praticantes em todos os 33 comportamentos. H4: Não se verificou existir associação linear significativa entre a satisfação global e o comportamento observado, como era suposto, no caso da Avaliação Negativa (Com e Sem Exercício) e Informação (Com e Sem Exercício), Avaliação Positiva (Com e Sem Exercício) e Correcção (Com e Sem Exercício), tendo-se encontrado uma associação linear significativa positiva na Pressão Com Exercício. Foram também encontradas outras associações lineares significativas, nomeadamente: Demonstração Sem Informação; Questionamento Sem Exercício; Afectividade Negativa Com Exercício; Atenção às Intervenções Verbais de Outros Com Exercício. H5: Apesar de se ter constatado existir associação linear significativa negativa entre a satisfação global e a satisfação específica nos comportamentos de Informação (Com e Sem Exercício), Correcção Sem Exercício, Avaliação Positiva (Com e Sem Exercício) e Pressão (Com e Sem Exercício), foi também encontrada relação significativa negativa, em vez de positiva, na Avaliação Negativa (Com e Sem Exercício). Foram também encontradas outras associações lineares significativas entre a satisfação global e a satisfação específica, designadamente nos comportamentos: Questionamento Com Exercício; Questionamento Sem Exercício; Exercício Independente; Observação Com Exercício; Atenção às Intervenções Verbais dos Alunos Com Exercício; Atenção às Intervenções Verbais dos Alunos Sem Exercício; Outros Comportamentos. H6: No que concerne à influência dos comportamentos observados na satisfação global, dado que não foram verificados os pressupostos da regressão linear múltipla na testagem inicial, não se chegou a testar nenhum modelo. H7: Relativamente à influência das variáveis de satisfação específica na satisfação global, apesar de se ter chegado a um mesmo modelo de regressão linear múltipla com os diferentes métodos de procura (Stepwise, Forward e Backward), onde as variáveis Pressão Com Exercício, Outros Comportamentos, Observação Sem Exercício, Avaliação Positiva Sem Exercício e Afectividade Negativa Sem Exercício apresentaram um coeficiente de valor negativo e a Afectividade Negativa Com Exercício e a Gestão Sem Exercício apresentaram um coeficiente de valor positivo, este modelo não é válido pelo facto de não se verificarem alguns dos pressupostos do mesmo.
Document Type Doctoral Thesis
Language Portuguese
delicious logo  facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
degois logo
mendeley logo

Related documents