Document details

A oralidade no processo de ensino aprendizagem das línguas-culturas estrangeira...

Author(s): Costa, Maria Isabel Almeida cv logo 1

Date: 2009

Persistent ID: http://hdl.handle.net/1822/11345

Origin: RepositóriUM - Universidade do Minho


Description
Tese mestrado em Educação (área de especialização em Supervisão Pedagógica em Ensino das línguas estrangeiras) The present study is part of an investigation to obtain of the degree of Master in Education, in the specialization area of Pedagogical Supervision in Foreign Language Teaching, granted by the University of Minho, and which main issue is the educational approach of the spoken language problematic in the teaching and learning process of foreign language and culture, more specifically the English language and culture as a subject in the Portuguese school system context. The study titled THE SPOKEN LANGUAGE IN THE TEACHING AND LEARNING PROCESS OF FOREIGN LANGUAGE AND CULTURE: A CASE STUDY IN THE ENGLISH SUBJECT IN THE PORTUGUESE SCHOOL SYSTEM CONTEXT., aims at contributing to optimize and maximize the teaching and learning, both as process and as a product, of the spoken language in foreign language and culture, using as a reference the Common European Framework of References for Languages (CEFR), and to develop and implement an experimental (self) training of reflexive, scientific and technically supported nature, in a continued perspective, of the teaching professionals that have the responsibility to teach foreign language and culture in a school context, gathering the domains of Didactics and of Pedagogical supervision in the area of foreign education in language and culture. According to the programmatic context and ministerial determination of the principles and dispositions of the CEFR, to what English as a foreign language and culture is concerned, in the Portuguese school system, the present study aims at establishing if the didactical treatment of spoken language when developed under the orientation of the action-oriented approach as defended in the CEFR contributes to the construction, development and consolidation of the generic skill denominated as speaking, in terms of proficiency, acclaimed in the CEFR. Besides doing the scientific framing of the spoken language problem in the teaching and learning process of foreign language and culture, through the presentation of this study, in a diachronic perspective , more selective than thorough, of the linguistic and didactical referential both in the constituted didactical approaches and in the action-oriented approach, the research work was based in a case study – done in the elementary school (3º Ciclo do Ensino Básico), more specifically in a 7th grade, which level corresponds to three years of learning, during the school year of 2008/2009-, through an ethnographic approach that joins in a typological frame of action research, qualitative and quantitative methodologies. The results of the investigation, deriving from in vivo observation, as well as the students and the teacher perceptions about educational situation that is the study object, show that the adoption of teaching and learning techniques in the didactical treatment of spoken language, that come from the orientation of the action-oriented approach - in comparison with other approaches commonly performed in the process of learning and teaching of foreign language and culture, in the Portuguese school system – contribute to the construction, development and consolidation of the generic skill denominated as speaking, in terms of proficiency , acclaimed in the CEFR. O presente estudo inscreve-se no âmbito de uma investigação conducente à obtenção do grau de Mestre em Educação, na área de especialização em Supervisão Pedagógica em Ensino das Línguas Estrangeiras, conferido pela Universidade do Minho, e cujo propósito central consiste na abordagem educativa da problemática da oralidade no processo de ensino-aprendizagem nas línguas-culturas estrangeiras, mais especificamente da disciplina de Inglês no contexto do Sistema Escolar português. O estudo, intitulado A ORALIDADE NO PROCESSO DE ENSINO-APRENDIZAGEM DAS LÍNGUAS-CULTURAS ESTRANGEIRAS: UM ESTUDO DE CASO NA DISCIPLINA DE INGLÊS NO CONTEXTO ESCOLAR PORTUGUÊS, tem por objectivo fulcral contribuir tanto para a optimização e a maximização do ensino-aprendizagem, nas suas vertentes de processo e produto, da oralidade em língua-cultura estrangeira, por referência ao Quadro Europeu Comum de Referência para as Línguas (QECR), como para o desenvolvimento e a implantação da (auto-)formação experiencial de índole reflexiva, científica e tecnicamente fundamentada, numa perspectiva continuada, dos profissionais do ensino que têm por missão assegurar a docência das línguas-culturas estrangeiras em contexto escolar, situando-se, por conseguinte, no plano de confluência, numa óptica de recíproca complementaridade, dos domínios disciplinares da Didáctica e da Supervisão Pedagógica no âmbito da Educação em Línguas-Culturas Estrangeiras. No presente contexto de observância programática, por determinação ministerial, dos princípios e das disposições do QECR, no âmbito da disciplina de Inglês língua-cultura estrangeira, no quadro do Sistema Escolar português, o estudo propõe-se verificar se o tratamento didáctico da oralidade ao atender às orientações indicadas pela abordagem orientada para a acção advogada pelo QECR contribui para a construção, o desenvolvimento e a consolidação da competência genérica designada falar, em termos de proficiência, consagrada no QECR. Para além de proceder ao enquadramento científico da problemática da oralidade no processo de ensino-aprendizagem nas línguas-culturas estrangeiras, através da indicação, numa perspectiva diacrónica, mais selectiva do que exaustiva, dos referenciais linguísticos e didácticos tanto das abordagens metodológicas constituídas como da abordagem orientada para a acção, o trabalho investigativo assenta num estudo de caso – que se inscreve no âmbito do 3º Ciclo do Ensino Básico, mais concretamente numa turma do 7º ano de escolaridade, cujo nível escolar da disciplina de Inglês corresponde ao terceiro ano de aprendizagem em termos institucionais, durante o ano lectivo de 2008/2009 –, através do recurso a uma abordagem de índole etnográfica, que conjuga, no quadro tipológico da investigação-acção, metodologias de carácter tanto quantitativa como qualitativa. Os resultados da investigação, decorrentes da observação in vivo, bem como das percepções dos sujeitos (alunos) e do agente (professor) da situação educativa objecto de estudo, evidenciam que a adopção de práticas de ensino-aprendizagem em matéria de tratamento didáctico da oralidade que relevam das orientações da abordagem orientada para a acção – por comparação com as práticas correspondentes comummente executadas no âmbito do processo de ensino-aprendizagem da língua-cultura estrangeira, no quadro do Sistema Escolar português – contribuem, de facto, para a construção, o desenvolvimento e a consolidação da competência genérica designada falar, em termos de proficiência, consagrada no QECR.
Document Type Master Thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Silva, Marlène Fernandes Silva
delicious logo  facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
degois logo
mendeley logo

Related documents

No related documents