Document details

Qualidade das narrativas produzidas em contexto diádico por crianças na idade p...

Author(s): Carvalho, Joana Rita David cv logo 1

Date: 2011

Persistent ID: http://hdl.handle.net/1822/17785

Origin: RepositóriUM - Universidade do Minho

Subject(s): Scaffolding; Estrutura narrativa; Idade pré-escolar; Livro de imagem; Narrative structure; Preschool age; Picture book


Description
Dissertação de mestrado integrado em Psicologia (área de especialização em Psicologia Clínica) É através da construção de narrativas que as crianças tentam atribuir sentido e coerência ao mundo que as rodeia. Este processo de significação da experiência desenvolve-se em interacção com os outros, nomeadamente com as figuras parentais. O scaffolding materno, em particular, assume um papel importante no desenvolvimento das capacidades narrativas da criança, as quais emergem por volta dos 3 anos de idade. Com base neste pressuposto teórico, o principal objectivo deste trabalho é compreender qual o contributo do scaffolding verbal materno na construção narrativa da criança em idade pré-escolar, ao nível da coerência estrutural. O estudo foi realizado mediante uma tarefa de elicitação de narrativas orais através de um livro composto exclusivamente por imagens, intitulado “Frog, where are you?” (Mayer, 1979). Nesta tarefa participaram 41 crianças (24 do sexo masculino, 58.5%) com 4 anos de idade e respectivas mães. As narrativas foram vídeogravadas e posteriormente transcritas, analisadas e codificadas segundo: a) o Manual de Avaliação da Coerência Estrutural Narrativa (Gonçalves, Henriques, & Cardoso, 2006) e b) a Grelha de Cotação de Comportamentos Verbais do Adulto Promotores da Narrativa nas Crianças em Idade Pré-escolar (instrumento desenvolvido no âmbito do presente estudo). De acordo com os resultados obtidos, os comportamentos verbais que dirigem a atenção e o interesse da criança para o livro correlacionam-se negativamente com as subdimensões sequência estrutural e comprometimento avaliativo, e marginalmente com a orientação e integração narrativa. O recurso a questões específicas e a verbalizações que direccionam o discurso da criança para determinados pontos da história também está correlacionado negativamente com a sequência estrutural e, de forma marginalmente significativa, com a integração. Não foi encontrada associação entre a utilização de exemplos e de pedidos de confirmação ou o uso de questões abertas e fechadas com incentivo ao discurso, com as diferentes sub-dimensões. Relativamente ao modo como a mãe orienta a construção narrativa, verificou-se que um nível reduzido de intrusividade e, por outro lado, um nível elevado de sensibilidade e mudança estão associados a uma elevada coerência estrutural narrativa. Os resultados deste estudo apontam para a importância de se considerar no estudo do scaffolding verbal não só o tipo de comportamentos verbais utilizados pela mãe, mas também o modo como estes são introduzidos e guiam a construção narrativa da criança, dadas as repercussões observadas ao nível da coerência estrutural narrativa. It is through the construction of narratives that children try to attribute sense and coherence to their world. This process, that allows to attribute meaning to the experience, occurs in interaction with others, namely with the parental figures. Maternal scaffolding, in particular, assumes an important role in the development of children’s narrative skills, which emerges around the age of 3. Based on this theoretical assumption, the main goal of this research is to understand the contribution of maternal verbal scaffolding in preschoolers’ narrative construction, at the level of narrative structural coherence. This study was elaborated based on an oral narrative elicitation task through a picture book named “Frog, where are you?” (Mayer, 1979). In this task, participated 41 children (24 boys, 58.5%) aged 4 years and their mothers. All narratives were transcribed, and subsequently analyzed and coded using a) the Narrative Structure and Coherence Evaluation Manual (Gonçalves, Henriques, & Cardoso, 2006) and b) the Coding System of adult´s verbal behaviors used to promote preschoolers´ narrative (instrument designed in the context of the current study). The results showed a negative correlation between the verbal behavior that direct children’s attention and interest to the book and the structural sequence and evaluative commitment sub dimensions, and a marginally significant result relative to orientation and integration; the use of specific questions and verbalizations that direct children’s discourse to certain issues of the story is also negatively correlated with structural sequence and marginality correlated to integration; no association was found between the use of examples and confirmation requests, as well as the use of open and close questions and discourse encouragements, with all different sub dimensions. Relatively to how the mother guides the narrative construction, it was found that a low level of intrusiveness, on the one hand, and a high level of sensibility and change, on the other hand, are associated with a high narrative structural coherence. The results of this study appoint to the importance of consider in verbal scaffolding study not only the type of verbal behaviors used by the mother, but also how they are introduced and guide the construction of the children’s narratives given the effects observed at the level of narrative structural coherence.
Document Type Bachelor Thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Martins, Carla; Martins, Eva Inês Costa
delicious logo  facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
degois logo
mendeley logo