Document details

O trabalho dos professores em matemática : elo entre ciclos

Author(s): Naia, Maria João Estudante Oliveira da cv logo 1

Date: 2010

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10773/1074

Origin: RIA - Repositório Institucional da Universidade de Aveiro

Subject(s): Gestão curricular; Professores de matemática; Participação dos professores


Description
A presente investigação prende-se com o desejo de conhecer como é interpretado, planeado e vivido o processo de articulação curricular da Matemática inter-anos e inter-ciclos, preconizado a nível ministerial num agrupamento vertical de escolas. O quadro de referência teórico da investigação integra três temáticas: Agrupamentos Verticais de Escolas, Articulação Curricular e o Trabalho do Professor. Optou-se por um estudo de caso qualitativo e interpretativo. Para a recolha de dados foram consideradas a análise documental, a observação e a inquirição. A recolha de dados foi realizada no ano lectivo 2008/2009 num Agrupamento Vertical de Escolas da Região Litoral Centro. Os participantes foram o Presidente do Conselho Executivo e o Presidente do Conselho Pedagógico, os Coordenadores de duas Estruturas de Coordenação e Supervisão, Coordenador do Departamento Curricular do 2º e 3º Ciclos, que integra a disciplina de Matemática e o Coordenador do Departamento Curricular do 1º ciclo, três professores de matemática do 3º ciclo, três docentes da disciplina do 2º ciclo e uma professora do 1º ciclo. De acordo com os objectivos de investigação, reuniu-se um conjunto de dados versando os seguintes itens: Identificar o processo de caracterização dos alunos do Agrupamento em Matemática e o seu impacto na planificação do ensino; Conhecer como se organiza o Departamento Curricular e sua influência no trabalho dos professores; Compreender como se processa a articulação curricular em Matemática inter-anos e inter-ciclos; Identificar o impacto do projecto de escola - Plano da Matemática - no trabalho dos professores; Identificar as dificuldades e benefícios do trabalho colaborativo entre os professores de Matemática, para caracterizar o tipo de cultura docente; Conhecer a opinião dos professores sobre o que entendem ser hoje professor de Matemática; Conhecer a opinião dos professores sobre o trabalho dos professores em Matemática - elo entre ciclos. Os dados indicam que, de forma unânime, os professores admitem que o trabalho colaborativo fomenta a criação de metodologias em grupo, permitindo de uma forma mais objectiva e segura, analisar de forma concertada as finalidades do ensino da matemática, o estudo dos objectivos gerais traçados para o ano ou ciclo e a observação e discussão das aprendizagens dos alunos no ano ou ciclo anterior. Os resultados mostram que ainda existe, apesar de todos os esforços e medidas introduzidas, uma diferença entre os ciclos. Percepciona-se com este estudo, que a implementação do Plano de Acção para a Matemática foi, a seguir à criação dos Agrupamentos Verticais, o factor mais importante, bem sucedido e necessário ao ensino desta disciplina, criando as condições e factores que potenciam a continuidade e apoiam a transição entre os anos e/ou ciclos de escolaridade, numa lógica de sequencialidade progressiva, nomeadamente através do Projecto de Escola designado por Plano da Matemática (PAM), proposto pela tutela em 2005. Este projecto permite aos Agrupamentos, dentro dos limites da sua autonomia, dar corpo às medidas nele preconizadas. Parece, segundo a opinião dos inquiridos, ser o remédio para alguns males do trabalho do professor de matemática no que diz respeito à articulação curricular vertical. ABSTRACT: This paper seeks to explore how the process of inter-year and inter-cycle Cross Curricular Mathematics is interpreted, planned and experienced as set out at a ministerial level within a vertical grouping of schools. The theoretical framework of research integrates three themes: Vertical grouping of schools, Cross-Curriculum and Teacher’s Work. A qualitative and interpretative case study was chosen. For data collection, a document analysis, observation and inquiry were included. Data collection was carried out during the 2008/2009 academic year in a Vertical grouping of Schools of the Central Coastal Region. The participants were namely: the President of the Executive Board and Chairman of the Pedagogical School Board, the Coordinators of two structures of Coordination and Supervision, the Coordinator of the Curriculum Department of the 2nd and 3rd cycles which integrate the subject of Mathematics, the Coordinator of the Curriculum Department of the 1st cycle, three mathematics teachers of the 3rd cycle, three teachers from the 2nd cycle and one teacher from the 1st cycle. In accordance with the research objectives, data was gathered through the following items: Identify the process of student characterization in the School Groupings in mathematics and to assess the impact on the planning teaching; to learn more about the organization of Curriculum Department and its influence on teachers' work; to understand the process of cross- curricular mathematics in inter-year and inter-cycles; identify the impact of the school project - plan of mathematics - in teacher’s work, identify the difficulties and benefits of collaborative work among mathematics teachers, characterise the type of teaching culture; to obtain teachers’ points of view on what it means to be a mathematics teacher today; to obtain teachers’ points of view on what the work of a mathematics teacher entails - the link between cycles. The data show that teachers unanimously believe that the collaborative work fosters the development of methodologies in a group, which in turn allows for a more objective and secure means of analysing the purposes of teaching mathematics in a concerted way, the study of the general objectives set for the year or cycle, the observation and the discussion of student learning in the previous year or cycle. The results show that despite all efforts and measures introduced, there continues to be a difference between the cycles. One perceives with this study that the implementation of the Action Plan for Mathematics was, following the creation of Vertical grouping of school, the most important, successful and necessary factor for teaching this subject, thus creating the conditions and factors to enhance continuity and support the transition between years and/or stages of schooling within a sequentially progressive logic, namely through the School Project called Plan of Mathematics (PAM), proposed by the Ministry in 2005. This project allows the school groupings within the limits of their autonomy to implement the measures proposed therein. This appears to be, in accordance with the opinion of the respondents, the remedy for some of the problems of the Mathematics teacher’s work in relation to a vertical curriculum articulation. Mestrado em Gestão Curricular - Matemática, Ciências e Tecnologia Educativa
Document Type Master Thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Pereira, Isabel Maria Cabrita dos Reis Pires
delicious logo  facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
degois logo
mendeley logo

Related documents