Document details

Da maqueta para o desenho: meios de representação tridimensional no design de a...

Author(s): Martins, Albano Fernando Pereira cv logo 1

Date: 2010

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10773/1228

Origin: RIA - Repositório Institucional da Universidade de Aveiro

Subject(s): Design técnico; Modelos tridimensionais; Design assistido por computador


Description
Este estudo pretende, através de uma análise retrospectiva, caracterizar a abordagem da representação tridimensional no contexto do design, pela sua utilidade como instrumento de comunicação, desenvolvimento e materialização de ideias. Se no passado a experiência da representação tridimensional passou necessariamente pela manufactura, no século XX, com a possibilidade de integração de um ambiente simulado no Design, promoveram-se alterações profundas nas experiências de representação, percepção e sensibilidade do designer. Os sistemas de representação digitais foram adoptados gradualmente pela maioria dos profissionais do desenho, alterando os seus hábitos, substituindo as ferramentas que auxiliavam a sua actividade, e estabeleceram-se novas metodologias no processo de criação que levaram a uma revisão das práticas de representação. O principal objectivo deste trabalho foi compreender as principais causas e respectivos efeitos dessa enorme transformação que ocorreu depois da introdução das tecnologias digitais, identificando os sujeitos que procuraram o seu processo de formalização, vinculado ou não, às novas tecnologias e analisar as razões que assistiram essa escolha. Hoje em dia, com a introdução da tecnologia digital no âmbito da representação, o designer tem a possibilidade de representar pela mão ou assistido por computador, recorrendo a sistemas híbridos que utilizam ambos os recursos. Portanto, neste estudo, foram também analisadas as alterações verificadas no projecto de design, numa comparação entre os meios de representação analógicos e digitais, físicos e virtuais. ABSTRACT: This study aims, through a retrospective analysis, to characterize the approach of tridimensional representation in the context of design, for its usefulness as a tool for communication, development and materialization of ideas. If, in the past, tridimensional representation hinged necessarily on manual work, in the twentieth century, though, the possibility of integrating a simulated environment in Design promoted deep changes in the experience of representation, perception and sensitivity of the designer. The digital representation systems were gradually adopted by most designers, who changed their habits by replacing the tools which helped them in their trade. Thus, new methodologies were established in the design process, leading to a review of the representation techniques. The main goal of this study was to understand the underlying causes and effects of the enormous change that occurred after the introduction of digital technologies, identifying the individuals who sought their formalization process, bound or not, to new technologies and examine the reasons that led to this choice. Nowadays, with the introduction of digital technology in the scope of representation, the designer is able to represent either manually or assisted by a computer, using hybrid systems that use both resources. Therefore, in this study, we also analyzed the changes in the project design, by making a comparison between analog and digital, physical and virtual means of representation. Mestrado em Design, Materiais e Gestão do Produto
Document Type Master Thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Branco, Vasco Afonso da Silva; Azevedo, Maria Isabel da Fonseca e Castro Moreira
delicious logo  facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
degois logo
mendeley logo

Related documents