Document details

Satisfação com a vida, ética e comportamento monetário : idosos e idosas pobres...

Author(s): Rua, Sara Mesquita cv logo 1

Date: 2008

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10773/3271

Origin: RIA - Repositório Institucional da Universidade de Aveiro

Subject(s): Gerontologia; Qualidade de vida; Pessoas idosas


Description
Objectivos: O envelhecimento bem sucedido associa-se à satisfação com a vida, que é influenciada por diversas variáveis, incluindo o bem-estar financeiro, o significado atribuído ao dinheiro (ética monetária) e os comportamentos monetários. Neste estudo pretendemos compreender como a satisfação com a vida de pessoas idosas, de classe socio-económica baixa e média-baixa, que vivem sós se relaciona com a ética e o comportamento monetário. Metodologia: Optou-se por realizar um estudo descritivo-correlacional com uma abordagem quantitativa. A amostra é composta por 32 idosos (mais de 64 anos) de classe média-baixa e baixa, que vivem sós. O questionário de recolha de dados compreende os seguintes instrumentos: Escala da Satisfação com a Vida (Diener, 1985); Índice de Graffar, Índice de Barthel, Escala Geriátrica de Depressão (adaptado do EASYcare), Escala de Ética Monetária (Tang,1997) e Escala de Comportamentos Monetários (Furnham, 1984). Resultados: Os principais resultados indicam que: i) os idosos valorizam moderadamente os bens materiais e comportam-se de forma moderada; ii) as pessoas idosas apresentam moderada/baixa satisfação com a vida; iii) ética e os comportamentos monetários não influenciam a satisfação com a vida; iv) existem diferenças de género na ética e comportamentos monetários. Conclusão: Os idosos estão pouco/moderadamente satisfeitos com a vida, sem que haja relação com a ética e os comportamentos monetários. ABSTRACT: Objectives – Successful ageing is associated to the satisfaction with life and it is influenced by several variables, including the financial well-being, the meaning of money (monetary ethics) and the monetary behaviour. In this study, our goal is to understand the relation between ethics and monetary behaviour and satisfaction with life of elderly people from lower/middle social and economical classes, who live alone. Procedure - A descriptive and correlational study with a quantitative approach was carried out. The sample comprises 32 elderly people (more than 64 years old) from lower/middle classes, who live alone. Data were collected through a questionnaire which included the following instruments: Scale of Satisfaction with Life (Diener, 1985); Graffar Index, Barthel Index, Scale of Geriatric Depression (adapted from EASYcare), Monetary Ethics Scale (Tang, 1997) and Monetary Behaviour Scale (Furnham, 1984). Results – Main findings suggest that: i) elderly people moderately value material goods and behave in a moderate way; ii) elderly people show moderate/lower life satisfaction; iii) ethics and monetary behaviour do not influence satisfaction with life; iv) there are differences of gender in ethics and monetary behaviour. Conclusion - Elderly people are little/moderately satisfied with life, which is not related to ethics and monetary behaviour. Mestrado em Gerontologia
Document Type Master Thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Sousa, Liliana Xavier Marques de
delicious logo  facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
degois logo
mendeley logo

Related documents