Document details

Promover a qualidade de cuidados de enfermagem a idosos dependentes

Author(s): Carvalhais, Maribel Domingues cv logo 1

Date: 2010

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10773/4274

Origin: RIA - Repositório Institucional da Universidade de Aveiro

Subject(s): Enfermagem; Pessoas idosas; Cuidados de enfermagem


Description
A investigação tem demonstrado que os enfermeiros tendem a interagir menos e a centrarem-se mais em cuidados físicos na prestação de cuidados a idosos dependentes, confusos e/ou desorientados. Contudo a literatura em enfermagem demonstra que a interacção social com pacientes dependentes é importante, pois permite melhoria da sua situação clínica e melhor reintegração. Este estudo exploratório procura contribuir para compreender melhor como se pode promover a qualidade dos cuidados de enfermagem a idosos dependentes em três contextos: hospital, cuidados continuados e em centro de saúde (domiciliares). Procura-se contribuir para a sensibilização e formação de enfermeiros na prestação de cuidados de qualidade a idosos dependentes e melhor definir cuidados relacionais a estas pessoas. Especificamente este estudo procura: i) identificar os cuidados de enfermagem a prestar aos pacientes idosos dependentes; ii) aprofundar o conhecimento sobre as dificuldades/obstáculos (emocionais, institucionais, relacionais, …) dos enfermeiros na promoção de uma relação de cuidados mais expressivos a idosos dependentes; iii) identificar factores que facilitam e dificultam a prestação de cuidados mais relacionais; iv) identificar modos de fomentar, sensibilizar e motivar os enfermeiros para a prestação de cuidados a pessoas idosas dependentes. A metodologia adoptada neste estudo é o PhotoVoice, aplicado a 3 grupos de enfermeiros que prestam cuidados a idosos dependentes em 3 contextos: hospital; comunidade (centro de saúde); cuidados continuados. Assim, abrangem-se os três principais contextos em que o idoso dependente pode estar inserido e o enfermeiro presta cuidados. A amostra envolve 12 enfermeiros (3 de contexto hospitalar, 3 de cuidados continuados e 6 de centro de saúde), com idades entre os 22 e 43 anos, 10 do sexo feminino. Os principais resultados sugerem que a promoção dos cuidados de enfermagem a pessoas idosas dependentes envolve: i) trabalho e decisão em equipa multidisciplinar; ii) mais recursos materiais e humanos; iii) melhores condições físicas e formação adequada. Paralelamente, o principal obstáculo à prestação de cuidados de enfermagem de qualidade nos três contextos centra-se na escassez de recursos e na desorganização, que se traduzem em falta de tempo, desordem e frustração. Além disso, os participantes salientam a importância do envolvimento da família, considerada parte da unidade de cuidado. Research has shown that nurses tend to interact less and to focus more on physical care when caring for older dependent and/or confused persons. However, literature highlights that social interaction with dependent patients is relevant, since it allows them to improve their clinical situation and also to feel more integrated on the new environment. This exploratory study aims to deepen the understanding on how to promote the quality of nurse care of older persons in different contexts: hospitals, intensive care and health centers. It is relevant because it contributes to the training of qualified nurses to care for dependent older persons and to better define relational care. Specifically, this study aims to: i) identify nursing care to older dependent persons; ii) deepen the knowledge on the obstacles nurses face when trying to perform more expressive care; iii) identify factors that facilitate or difficult the carry out of more emotional care; iv) identify ways to promote and motivate nurses for the care of older dependent persons. Methods are based on the photovoice, administered to three groups of nurses that care for dependent older persons in three contexts: hospital, continuous care and health center (community). Therefore, the three main contexts of nursing activity with older persons are involved. The sample comprises 12 nurses (3 working in the hospital, 3 at continuous care and 6 nurses at health centers). Their age varies between 22 and 43 years old, and 10 are females. Main results suggest that the promotion of quality of nursing care to older dependent persons involves: i) team work and decision; ii) more material and human resources; iii) better physical conditions and adequate training. The main obstacle to more relational care at the three contexts is centered on the scarce resources and in the disorganization of the work, what results in lack of time and frustration. Participants emphasized the importance of the patient’s family involvement, as the family is a member of the care unit. Doutoramento em Ciências da Saúde
Document Type Doctoral Thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Sousa, Liliana Xavier Marques de
delicious logo  facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
degois logo
mendeley logo

Related documents