Document details

Enzimas extracelulares de fungos da família Botryosphaeriaceae

Author(s): Saraiva, Márcia Raquel Maia cv logo 1

Date: 2009

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10773/867

Origin: RIA - Repositório Institucional da Universidade de Aveiro

Subject(s): Microbiologia; Enzimas; Biotecnologia; Fungos


Description
Num mundo cada vez mais industrializado, surge a necessidade de procurar novos meios de produção de enzimas, devido às suas inúmeras aplicabilidades. Com a revolução biotecnológica surgem novos e optimizados métodos de produção de enzimas, utilizando “novos” microrganismos ou microrganismos já conhecidos mas geneticamente modificados com o intuito de aumentar a produção enzimática. A família Botryosphaeriaceae é constituída por espécies amplamente distribuídas no Mundo. São espécies fitopatogénicas que colonizam uma enorme variedade de espécies vegetais, havendo inclusive casos de isolados obtidos em Humanos. Este trabalho teve como objectivos principais a detecção e quantificação de enzimas extracelulares, produzidas por fungos filamentosos da família Botryosphaeriaceae. Foram estudados 53 isolados de fungos pertencentes à família Botryosphaeriacea de cinco géneros distintos (Neofusicoccum, Lasiodiplodia, Diplodia, Dothiorella e Botryosphaeria). Todos os isolados mostraram ser produtores das enzimas extracelulares pesquisadas: proteases, celulases, lipases, lacases, pectinases, ureases, amilases e xilanases. Posteriormente, procedeu-se à quantificação das actividades proteolítica, celulolítica e lenhinolítica a 37, 50 e 70ºC. Os resultados mostraram que o género Neofusicoccum apresenta isolados cujos extractos enzimáticos extracelulares possuem actividade mais elevada bem como uma maior estabilidade térmica e, deste modo, potencialmente mais atractivos a nível biotecnológico. ABSTRACT: In a world increasingly industrialized, it is necessary to seek new means of production of enzymes, due to its numerous applicabilities. With the biotechnological revolution, new and optimized methods of production of enzymes appear, using novel microorganisms or microorganisms already known but genetically modified in order to increase the enzyme production. The family Botryosphaeriaceae comprises species that are worldwide distributed and that colonize a variety of plant species. Furthermore, there have been already cases of isolates obtained in Humans. This work had as main objectives the detection and quantification of extracellular enzymes, produced by filamentous fungi of the Botryosphaeriaceae family. Fifty three isolates of fungi belonging to the family Botryosphaeriacea of five different genera (Neofusicoccum, Lasiodiplodia, Diplodia, Dothiorella and Botryosphaeria) were studied. All isolates showed to be able to produce extracellular enzymatic activity such as: proteases, cellulases, lipases, laccases, amylases, pectinases and xylanases. Additionally, extracellular activities of proteases, cellulases and lacases were quantified at 37, 50 and 70ºC. Results showed that the genus Neofusicoccum presents isolates whose extracellular extracts exhibit higher enzymatic activity as well as a higher thermal stability. Therefore, these are potentially the most attractive for biotechnology purposes. Mestrado em Microbiologia
Document Type Master Thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Sarmento, Ana; Alves, Artur Jorge da Costa Peixoto
delicious logo  facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
degois logo
mendeley logo

    Financiadores do RCAAP

Fundação para a Ciência e a Tecnologia Universidade do Minho   Governo Português Ministério da Educação e Ciência PO Sociedade do Conhecimento (POSC) Portal oficial da União Europeia