Document details

Serviço social na educação: saberes e competências necessárias no fazer profiss...

Author(s): Iris de Lima Souza

Date: 2008

Origin: OASIS br

Subject(s): Serviço social; Educação; Competência; Saber; EDUCACAO; Social service; Education; Competence; Knowledge


Description
A Tese analisa o que deve saber e o que compete, formalmente, ao Profissional de Serviço Social para atuar na Educação Escolar. Investiga, a partir de estudos sobre o tema, e junto aos Conselhos Federal e Regionais de Serviço Social, e da Associação Brasileira de Estudos e Pesquisas em Serviço Social, que saberes e competências são necessários para a atuação do Assistente Social nessa área específica. Através de uma pesquisa de natureza empírica, bibliográfica e documental, o enfoque de análise contorna o olhar e a compreensão da categoria dos profissionais que representam os órgãos de defesa, fiscalização e formação da profissão. A importância do estudo científico se justifica pela necessária contribuição do Assistente Social atuando na Educação Escolar, cujo contexto político e pedagógico apresenta múltiplas demandas, saberes e relações, e quando se vivencia na atualidade um quadro social e educacional com palavras de ordem em formação, como inclusão, empoderamento, competência, que exigem outros especialistas no cenário escolar para trabalhar com as variadas expressões da questão social. Desde os anos 1930 o Assistente Social atua na área da Educação, com um saber proveniente das áreas humanas e sociais que o possibilita a contribuir, interdisciplinarmente, junto à equipe pedagógica da Educação Escolar. A clareza dos saberes e das competências necessárias para intervir nesse campo de trabalho específico possibilita a legitimação da identidade, da profissionalização do Assistente Social e a formalização da sua prática. A Tese conclui que a profissionalidade e o profissionalismo do Assistente Social se constrói e se reconhece na área da Educação a partir do conhecimento dos saberes e competências pertinentes para intervir nesse contexto, iniciando esse conhecimento por parte da categoria do Serviço Social e dos órgãos de formação e representação da profissão para que a comunidade escolar gestão e coordenação pedagógica, professores e alunos compreenda e reconheça a necessária intervenção do Assistente Social nesse campo. A formalização desses saberes e competências se constrói a partir de ações e mobilizações pensadas e operacionalizadas no conjunto da categoria, e não por atos isolados e individualizados. Revela-se, na opinião dos que representam os Conselhos Regionais de Serviço Social, uma visão ampla do Assistente Social nesse espaço exercendo, entre outras, funções que não competem ao perfil do profissional ou restritas à ações e técnicas historicamente exercidas em seus campos de trabalho. Um novo perfil do profissional do Serviço Social que atua na Educação Escolar é possível quando se visualiza sua ação não apenas centrada no trabalho com a família, mas, fazendo da escola um espaço de proposição e execução de programas, projetos, estudos e pesquisas sociais. Propõe-se, uma política de ação e de divulgação sobre os saberes e as competências do Assistente Social na Educação Escolar
Document Type Other
Editor(s) Maria Célia Correia Nicolau; Betânia Leite Ramalho; Silvana Mara de Morais dos Santos; Ana Maria Iório Dias; Maria José de Oliveira Palmeira
delicious logo  facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
degois logo
mendeley logo