Document details

Descrição sócio-demográfica, laboral e de saúde dos trabalhadores do setor de s...

Author(s): Aguiar,Odaleia Barbosa de ; Valente,Joaquim Gonçalves ; Fonseca,Maria de Jesus Mendes da

Date: 2010

Origin: OASIS br

Subject(s): Alimentação coletiva; Ambiente de trabalho; Condições de trabalho; Trabalhadores


Description
OBJETIVO: Este artigo tem o objetivo de descrever uma população de trabalhadores de alimentação coletiva com foco nos perfis sócio-demográfico, laboral e de saúde. MÉTODOS: O estudo, do tipo seccional, foi realizado com 426 trabalhadores dos restaurantes populares do Estado do Rio de Janeiro, com um questionário aplicado por entrevistadores treinados. Os testes para fins de verificação de associação foram o quiquadrado de Pearson, e, alternativamente, o teste exato de Fisher para amostras pequenas. RESULTADOS: Os homens representaram 62,7% do total de trabalhadores. A idade média dos funcionários foi de 35,1 anos, (DP=10,3). Quanto à escolaridade, somente 11,3% possuíam escolaridade menor que quatro anos e 42,2% entre cinco e oito anos de escolaridade. Os incômodos ambientais apresentaram a seguinte ordem decrescente de importância na percepção dos trabalhadores: temperatura (90,1%), ruído (51,2%), esforço físico (36,2%) e luminosidade (10,5%). Os relatos de doenças com diagnóstico médico apresentaram prevalência de: 15,0% "doença osteomusculares relacionadas ao trabalho (DORT)"; 14,3% hipertensão arterial sistêmica; 12,7%, gastrite e 2,1%, diabete Mellitus tipo II. Em relação aos acidentes de trabalho 20,2% relataram ter sofrido corte, seguido de contusão com 16,0%, nos últimos doze meses. CONCLUSÃO: A análise dos dados permitiu concluir que, embora os diferentes cargos sofram a ação do ambiente de trabalho, da remuneração e da qualificação, estas questões estiveram mais associadas aos auxiliares de serviços gerais.
Document Type Other
delicious logo  facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
degois logo
mendeley logo

Related documents