Detalhes do Documento

Comparação dos Desempenhos de Crianças com Dislexia e Crianças com Progressão N...

Autor(es): Silva, Ana Rita Correia da cv logo 1

Data: 2010

Identificador Persistente: http://hdl.handle.net/10348/653

Origem: Repositório da UTAD

Assunto(s): Dislexia; Aritmética; Discalculia; Competências fonológicas; Memória; Velocidade de processamento; Dyslexia; Arithmetic; Dyscalculia; Phonological skills; Memory; Processing speed


Descrição
O presente estudo visa examinar as competências aritméticas das crianças com dislexia. Neste sentido encontra-se dividido em duas partes fundamentais. A primeira parte consiste numa revisão da literatura científica acerca dos desempenhos aritméticos dos indivíduos com dislexia e das relações entre os níveis de leitura, competências fonológicas, memória, velocidade de processamento e aritmética. Descreve-se, ainda, na primeira parte, a discalculia e os seus critérios de diagnóstico diferencial com a dislexia e com as dificuldades aritméticas não específicas. A segunda parte consiste num estudo empírico, elaborado a partir do enquadramento teórico anterior, cujo objectivo foi comparar os desempenhos de crianças com dislexia e crianças com progressão normal em leitura, da mesma idade, em diferentes domínios do conhecimento aritmético. Os resultados revelaram que as crianças com dislexia apresentaram mais dificuldades do que as crianças do grupo controlo em tarefas aritméticas verbais mas não nas tarefas aritméticas consideradas não verbais. Verificou-se, também, que as crianças com dislexia foram mais lentas a responder, do que as do grupo controlo, na maioria das tarefas aritméticas e em todas as tarefas de linguagem. São discutidas possíveis explicações e implicações clínicas dos resultados encontrados. This study aims to examine the arithmetic skills of children with dyslexia. It is divided into two main parts. The first part consists in a review of the scientific literature about the arithmetic performance of individuals with dyslexia and the relationship between reading level, phonological skills, memory, processing speed and arithmetic. It is also discussed in the first part, dyscalculia and its differential diagnostic criteria with dyslexia and with arithmetic nonspecific difficulties. The second part is an empirical study, elaborated from the previous theoretical framework, which aims to compare the performance of children with dyslexia and children with normal progression in reading, having the same age, in different fields of arithmetic knowledge. The results showed that children with dyslexia had more difficulties than children in the control group in verbal arithmetic tasks but not in the arithmetic tasks considered nonverbal. It was found also that children with dyslexia were slower to respond than those in the control group to most of the arithmetic tasks and to all the language tasks. Tentative explanations and clinical implications of results are discussed. Dissertação de Mestrado em Psicologia Clínica
Tipo de Documento Dissertação de Mestrado
Idioma Português
Orientador(es) Vale, Ana Paula
delicious logo  facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
degois logo
mendeley logo

Documentos Relacionados