Document details

Memórias de infância, toxicodependência e vínculos afectivos: um estudo quantitativo com consumidores e não consumidores de substâncias

Author(s): Alegre, Verónica de Medeiros

Date: 2011

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10284/2542

Origin: Repositório Institucional - Universidade Fernando Pessoa

Subject(s): Memórias de Infância; Consumo de Substâncias; Vínculos Afectivos; Vinculação; Childhood Memories; Substances Consumption; Affective Attachments; Attachment; Recuerdos de la infancia; El consumo de sustancias; Vínculo emocional; La unión


Description

O presente trabalho tem como objectivo analisar a qualidade da vinculação em adultos consumidores de substâncias. Analisamos a vinculação em dois momentos temporais diferentes que nos remetem para o passado e para o presente dos indivíduos, havendo no meio deles, uma experiência marcante a nível psicológico, familiar e social como é a toxicodependência. Participaram 40 consumidores de substâncias e 40 indivíduos não consumidores de substâncias. Aplicou-se um questionário sócio-demografico adaptado às características de cada grupo e dois instrumentos de avaliação da vinculação (EMBU – Memórias de Infância, adaptada por Canavarro, M (1996) e EVA – Escala de vinculação adulta, adaptada por Canavarro, M. (1995)). Os resultados deste estudo demonstram que a percepção desenvolvida relativamente às primeiras relações pode ter um papel importante no consumo de substâncias e que os vínculos afectivos actuais não resultam apenas das experiências infantis, mas também da experiencia da toxicodependência. This study’s aim is to analyse the attachments in adult substances’ consumers. We have analysed the attachments in two different moments, in the past and in the present. There is in-between a striking psychological and social experience - drug addiction. Forty drug consumers and forty non-consumers have participated in this study. I applied a social-demographic questionnaire, adapted to each group, as well as two attachment assessment instruments (EMBU – Memórias de Infância, adaptada por Canavarro (Childhood Memories, adapted by Canavarro), M (1996) e EVA – Escala de vinculação adulta, adaptada por Canavarro (Adult attachment scale, adapted by Canavarro), M. (1995)). The results of this study have shown that the perception regarding the first relationships may have an important role in the consumption of substances. Moreover, the present affective attachments result not only from the childhood experiences, but also from the drug abuse. Este estudio tiene como objetivo analizar la calidad del apego en consumidores de drogas adultos. Se analizó la unión de dos momentos de tiempo diferentes que se remontan al pasado y el presente de las personas, y hay entre ellos, una notable experiencia psicológica, social y familiar como es la adicción. Los participantes fueron 40 los usuarios de drogas y 40 los individuos no usuarios de drogas. Se aplicó un cuestionario adaptado a las características socio-demográficas de cada grupo y dos herramientas de evaluación de la relación (EMBU - Recuerdos de la infancia, adaptada por Canavarro, M (1996) y EVA - Escala de apego adulto, adaptado por Canavarro, M. (1995)). Los resultados de este estudio demuestran que la percepción desarrollado relaciones con los primeros pueden tener un papel importante en el consumo de sustancias y los lazos emocionales existentes no sólo el resultado de experiencias de la niñez, sino también la experiencia de la adicción a las drogas.

Dissertação apresentada à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Psicologia, especialização em Psicologia Clínica e da Saúde.

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Sacau, Ana
Contributor(s) Alegre, Verónica de Medeiros
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents