Document details

A Radioterapia em Patologia Oncológica de Cabeça e Pescoço: Impacto na Qualidade de Vida e na Saúde Oral

Author(s): Silva, Ana Margarida Abreu Rodrigues da

Date: 2012

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10284/3407

Origin: Repositório Institucional - Universidade Fernando Pessoa

Subject(s): Head and Neck Cancer; Oral Cancer; Radiotherapy; Oral Health; Oral Complications; Dentistry; Quality of Life


Description

O cancro é um problema de saúde pública a nível mundial, devido à sua crescente prevalência, com grande impacto individual e social. Têm-se verificado progressos importantes no tratamento oncológico, aumentando a expectativa de vida dos doentes, pelo que é de extrema importância para a sua recuperação e reintegração na sociedade, melhorar a Qualidade de Vida Relacionada com a Saúde (QdVRS) dos mesmos. A radioterapia é uma das modalidades terapêuticas mais utilizadas no tratamento do patologia oncológica de cabeça e pescoço, podendo estar associada ou não à cirurgia ou quimioterapia. No entanto, apesar do tratamento radioterápico visar atingir apenas as células neoplásicas, pode provocar efeitos secundários nocivos nas células normais da zona irradiada, interferindo na QdVRS do doente ou mesmo alterando a evolução do próprio tratamento. Algumas das complicações mais frequentes da radioterapia na cavidade oral são a xerostomia, mucosite, disfagia, candidose, entre outras. Assim, o Médico Dentista tem um papel fundamental na equipa multidisciplinar de tratamento oncológico, permitindo minimizar a frequência e morbilidade das complicações decorrentes da doença ou do seu tratamento e, consequentemente, melhorar a QdVRS destes doentes. Neste estudo pretende-se avaliar o impacto do tratamento radioterápico na QdVRS dos doentes oncológicos de cabeça e pescoço. Para isso, 91 doentes oncológicos de cabeça e pescoço do Instituto Português de Oncologia Francisco Gentil do Porto (IPOPFG) responderam a dois questionários diferentes sobre QdVRS: EORTC QLQ-C30 (avaliação geral da QdVRS) e QLQ-H&N35 (módulo específico para pacientes com patologia oncológica de cabeça e pescoço). Os resultados obtidos indicam que aquando do diagnóstico, a maioria dos tumores encontra-se em estádios avançados da doença (58.5%), sendo a QdVRS dos homens mais afectada comparativamente à das mulheres. Conclui-se que é de extrema importância a sensibilização da população para o cancro oral e a necessidade de exames de rotina da cavidade oral de modo a permitir o diagnóstico precoce da doença. Due to its increasing prevalence cancer is a public health problem worldwide with huge individual and social impact. There have been significant advances in cancer treatment, increasing patients’ life expectancy. Thus it is of utmost importance to their recovery and reintegration into society to improve patients’ Health-Related Quality of Life (HRQoL). Radiation therapy is one of the most used therapies in the treatment of the head and neck cancer, and may be used together with surgery or chemotherapy. However, despite aiming at targeting only the neoplastic cells, it can cause harmful side effects in normal cells of the radiated area, interfering in the patient's HRQoL or even changing the evolution of the treatment itself. Some of the most frequent complications of radiotherapy in the oral cavity are xerostomy, mucositis, dysphagia, candidiasis, among others. So, the Dentist has a fundamental role in the multidisciplinary team of oncological treatment, minimizing the frequency and morbidity of the complications arising from the disease or its treatment and, consequently, improving the HRQoL of these patients. This study aims to evaluate the impact of radiation treatment on the HRQoL of patients with head and neck cancer. To do this, 91 patients with head and neck cancer being treated at Instituto Português de Oncologia Francisco Gentil (Portuguese Institute of Oncology Francisco Gentil - IPOPFG), in Porto, answered to two different questionnaires on HRQoL: EORTC QLQ-C30 (general assessment of HRQoL) and QLQ-H&N35 (specific module given to patients with head and neck cancer). The results obtained indicate that at the time of diagnosis, most tumors are in advanced stages of the disease (58.5%), the HRQoL of men being more affected when compared to that of women. It is concluded that it is of utmost importance the awareness of the population to oral cancer and the need for routine examinations of the oral cavity to allow for early diagnosis of the disease.

Trabalho apresentado à Universidade Fernando Pessoa como parte dos requisitos para obtenção do grau de Mestre em Medicina Dentária

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Silveira, Augusta
Contributor(s) Silva, Ana Margarida Abreu Rodrigues da
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents