Document details

Marcadores de diagnóstico da doença periodontal

Author(s): Strozolkouki, Marcia Maria

Date: 2016

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10284/5585

Origin: Repositório Institucional - Universidade Fernando Pessoa

Subject(s): Periodontal disease; Gingival Crevicular fluid; Diagnosis; Biomarkers; Domínio/Área Científica::Ciências Médicas::Medicina Clínica; Domínio/Área Científica::Ciências Médicas::Medicina Clínica; Domínio/Área Científica::Ciências Médicas::Medicina Clínica


Description

A periodontite é uma patologia inflamatória, causada pela interação entre o biofilme bacteriano e a resposta imune do hospedeiro e é caracterizada pela degradação de fibras colágenas do periodonto. Os avanços científicos possibilitaram o desenvolvimento de novas técnicas que possibilitem o diagnóstico precoce da doença, ou seja, prevenir a perda de inserção e progressão da periodontite. O diagnóstico da doença periodontal baseia-se em parâmetros clínicos como profundidade de sondagem, perda de inserção, hemorragia a sondagem e exames radiográficos. A análise dos biomarcadores presentes no fluido crevicular gengival (FCG) e saliva tem sido alvo de inúmeros artigos, uma vez que o fluido crevicular gengival (FCG) é composto de uma gama de biomarcadores celulares e moleculares. O presente trabalho teve como objetivo fazer uma revisão narrativa da literatura publicada a cerca dos métodos utilizados para diagnóstico precoce e prognóstico dos processos patológicos que podem estar presentes no periodonto. Foi realizada uma pesquisa bibliográfica online entre Dezembro de 2015 e Maio de 2016, com o objetivo de fazer uma revisão bibliográfica acerca do tema. Não foi estabelecido restrição quanto a data de publicação. Através da identificação da concentração de determinadas proteínas presentes no FCG é possível avaliar a atividade da doença periodontal e o prognóstico. Um importante número de marcadores como a elastase neutrofílica, prostaglandina E2, catepsinas, osteocalcina, -glucoronidase, colagenase, fosfatase alcalina, aspartato aminotransferase são citados (Genco et al., 1992). De acordo com a literatura publicada pode-se concluir que há alguns marcadores promissores para o diagnóstico precoce e prognóstico da doença periodontal, entretanto, não há ainda um marcador que possa identificar a futura perda de inserção ou a suscetibilidade à doença periodontal. São necessários estudos longitudinais para melhor entendimento do papel dos biomarcadores do FCG.

The periodontitis is an inflammatory pathology, caused by the interaction between biofilm and the host immune response, and is characterized by the degradation of collagen fibers of the periodontal. The scientific advances permit the development of new techniques that allow the early diagnosis of the disease, that is, prevent the loss of insertion and advancement of periodontitis. The diagnosis of periodontal disease is based on clinical parameters such as probing depth, attachment loss, probing bleeding and radiographic examinations. Thus, periodontal research for decades, focusing on the analysis of biomarkers present in the gingival crevicular fluid (GCF) and saliva. Gingival crevicular fluid (GCF) is composed of an array of cellular and molecular biomarkers This study aimed to do a narrative literature review published about the methods for early diagnosis and prognosis of disease processes that may be present in the periodontium. An online bibliographic search was conducted between December 2015 and May 2016, aiming to make a literature review about the subject. A time limit was not established. Through identifying the concentration of certain proteins present in the GCF it is possible to evaluate periodontal disease activity and prognosis of future disease. A large number of markers such as neutrophil elastase, prostaglandin E2, cathepsins, osteocalcin,  -glucuronidase, collagenase, alkaline phosphatase, aspartate aminotransferase are cited Genco et al., (1992). According to published literature it can be concluded that there are some promising markers for early opportune diagnosis and prognosis of periodontal disease, however, there is not still a marker that can identify future insertion loss and susceptibility to periodontal disease. Longitudinal studies are needed to better understand the role of FCG biomarkers.

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Lima, Cristina
Contributor(s) Strozolkouki, Marcia Maria
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents