Document details

Peri-Implantitis: etiology, risk factors and treatment concepts

Author(s): Serhal, Roger Nicolas Bou

Date: 2018

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10284/6910

Origin: Repositório Institucional - Universidade Fernando Pessoa

Subject(s): Osseointegração; Sobrecarga oclusal; Excesso de cimento; Sangramento na sondagem; Superfície descontaminação; Terapia regenerativa; Osseointegration; Occlusal overload; Excess of cement; Bleeding on probing; Surface decontamination; Regenerative therapy; Domínio/Área Científica::Ciências Médicas::Medicina Clínica; Domínio/Área Científica::Ciências Médicas::Medicina Clínica; Domínio/Área Científica::Ciências Médicas::Medicina Clínica


Description

Objectivo : A Peri-implantitis é uma doença inflamatória que afeta os tecidos moles e duros que cercam um implante em função. A eliminação do biofilme estabelecido e a descontaminação da superfície do implante é o objetivo principal no tratamento da peri-implantite.Métodos: Algunas técnicas cirúrgicas podem ser necessárias para nos proporcionar um acesso adequado para desgranular eficazmente os tecidos inflamados, bem como para descontaminar e, se indicado, modificar a superfície do implante. Antes da utilização de técnicas cirúrgicas, a terapia não cirúrgica e o reforço da higiene bucal devem ser realizados. Resultados: Como em qualquer doença, a prevenção é a melhor forma de tratamento e a peri-implantita não é exceção. O diagnóstico precoce da doença peri-implantar pode ajudar a controlar a progressão e permite a sua resolução por meios não cirúrgicos no caso de mucosite peri-implante. Conclusão: As doenças peri-implantes são doenças importantes como resultado de sua alta prevalência e da falta de um modo padrão de terapia. Um estudo completo dos fatores de risco locais e sistêmicos do paciente é importante antes de qualquer tratamento com implante.

Aim: Peri-implantitis is an inflammatory disease affecting soft and hard tissues surrounding a functional implant. The elimination of the established biofilm and decontamination of the implant surface are the main objectives in the treatment of peri-implantitis. Methods : Surgical techniques may be necessary to provide adequate access to degranulate the inflamed tissues effectively as well as to decontaminate and, if indicated, modify the implant surface. Before surgical techniques are employed, nonsurgical therapy and reinforcement of the oral hygiene should be performed. Results: As with every disease, prevention is the best treatment. Early peri-implant disease diagnosis can help in controling the progression and its resolution by non-surgical means in the case of peri-implant mucositis. Conclusion: Peri-implant diseases are important disease entities because of their high prevalence and the lack of a standard mode of therapy. Thorough study of the patient’s local and systemic risk factors is important before any implant treatment.

Document Type Master thesis
Language English
Advisor(s) Arcanjo, Alexandra
Contributor(s) Serhal, Roger Nicolas Bou
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents