Document details

Estudo de células T ativadas e células B reguladoras no último trimestre da gravidez

Author(s): Gomes, Joana Ferreira

Date: 2014

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10400.26/13004

Origin: Egas Moniz - Cooperativa de Ensino Superior, CRL

Subject(s): Células T; Células B; Gravidez


Description

Introdução: Um dos principais enigmas da biologia reprodutiva centra-se no facto de mulheres com sistema imunitário competente conseguirem completar uma gravidez semi-alogénica. Vários mecanismos têm sido envolvidos na tolerância imune materno-fetal. Contudo, nenhum consegue explicar este processo só por si. Assim, o presente estudo tenta completar a abordagem de parâmetros imunes, incorporando a avaliação dos componentes B e T. Material e métodos: Participaram no estudo 20 mulheres não grávidas, saudáveis e em idade fértil e 20 mulheres grávidas saudáveis no terceiro trimestre de gestação. Foram analisadas, por citometria de fluxo, amostras de sangue periférico de cada participante para determinação da expressão em linfócitos T de CD25 e HLA-DR e em linfócitos B de CD24, CD27, CD38 e produção de IL10. Resultados e discussão: Da comparação das grávidas com o grupo controlo não se observaram diferenças estatisticamente significativas nas populações CD25+. Observou-se diminuição estatisticamente significativa da população CD3+CD4+HLA-DR+. O grupo de grávidas foi analisado ainda dividido em dois subgrupos: grávidas de primeira gestação e grávidas com pelo menos 1 gestação anterior, verificando-se que a diminuição registada inicialmente se devia particularmente ao grupo de grávidas em primeira gravidez. Observou-se uma diminuição estatisticamente significativa das populações de linfócitos B CD19+CD24hiCD38hi, CD19+CD24hiCD27+ e CD19+CD24hiCD27hi. Não se observou variação estatisticamente significativa na produção de IL10. Estes resultados podem dever-se à diminuição da concentração de HCG no terceiro trimestre de gravidez, dado o seu papel na promoção da proliferação das Bregs. Conclusões: Durante a gravidez, verifica-se uma diminuição das subpopulações de células B. Verificou-se ainda, particularmente nas primíparas, uma diminuição da população CD3+CD4+HLA-DR+. O esclarecimento dos mecanismos de ativação e regulação envolvidos na tolerância imunológica, permitirão no futuro uma análise mais consistente e uma melhor compreensão da interface materno-fetal.

Dissertação para obtenção do grau de Mestre no Instituto Superior de Ciências da Saúde Egas Moniz

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Borrego, Luís Miguel; Caniça, Manuela
Contributor(s) Gomes, Joana Ferreira
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents