Document details

Coaching na gestão em enfermagem

Author(s): Ustá, Virna

Date: 2012

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10400.26/15801

Origin: Escola Superior de Enfermagem de Lisboa

Subject(s): Gestão em enfermagem; Coaching; Liderança


Description

A liderança Coaching é uma importante estratégia para incentivar o desenvolvimento profissional, bem como uma grande força impulsionadora da responsabilidade, organização, qualidade dos cuidados, do suporte, e da afirmação do potencial humano. A sua essência é o desenvolvimento das competências para o alcance de metas. O objectivo geral do presente estudo, Coaching na Gestão em Enfermagem, é caracterizar a prática do Coaching na gestão em enfermagem, através da percepção dos gestores de enfermagem. Os objectivos específicos são definir Coaching na perspectiva dos enfermeiros gestores e aplicado à profissão de enfermagem e caracterizar o desenvolvimento do processo de Coaching na gestão em enfermagem. Trata-se de um estudo exploratório, descritivo e com uma abordagem qualitativa. Recorremos à técnica da entrevista semi estruturada, com uma abordagem qualitativa, optando pela análise de conteúdo. Os resultados mostram que relativamente ao perfil das enfermeiras na sua totalidade estas ocupam cargos de líderes na estrutura hierárquica de enfermagem, são do sexo feminino, encontram-se numa população heterogénea em relação á idade, tempo de graduação e de tempo de atuação na instituição. Infere-se que em aproximadamente cinco anos de experiência profissional como enfermeiras interlocutoras na sua prática as entrevistadas não aplicam a liderança Coaching, embora tenham desenvolvido competências de gestão em contexto académico. Só no momento da entrevista é que ouviram falar primeira vez de Coaching. Na sua globalidade existe um entendimento por parte das entrevistadas da liderança Coaching, como sejam uma ―intervenção voltada para a ação‖, resultante da relação entre duas entidades (pessoa ou conjunto organizado de pessoas), que visam o ―aperfeiçoamento e a superação profissional e pessoal‖ através do potencial não utilizado, promovendo a produtividade no trabalho e consequentemente a qualidade de vida no trabalho. Na opinião das entrevistadas identificou-se que a influência da liderança Coaching, é sentida como tendo um papel determinante no ―desenvolvimento de liderança‖, na ―melhoria da comunicação‖ e nos ―desempenhos profissionais‖, tal como foi identificado no estudo realizado por Cardoso et al (2011). Quanto aos beneficios do processo de coaching na óptica do gestor de enfermagem foram reconhecidos como mais representativos: a ―melhoria de desempenhos‖, a ―realização pessoal/equipa‖ e o ―bem-estar do gestor e equipa com alto impacto na produtividade, no compromisso com os objectivos e obtenção de resultados. As entrevistadas referenciaram inúmeras dificuldades, com relevância na ―ausência de investimento nos recursos humanos‖, na ―melhoria de desempenhos‖, na ―descoberta de potencial‖, na ―gestão de competências‖ e no ―reconhecimento real de cada um dos seus colaboradores‖. Isto justifica-se pelo facto da liderança Coaching ser uma prática recente e ainda existir uma falta de enquadramento organizacional e por isso poucos estudos de investigação, tal como na literatura. O estudo exploratório pretende ser o ponto inicial de visibilidade do Coaching na prática de Enfermagem, sendo um contributo para a ―nova‖ liderança na enfermagem no âmbito dos cuidados de saúde primários

Mestrado, Gestão em Enfermagem, 2012, Escola Superior de Enfermagem de Lisboa

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Gaspar, Maria Filomena Mendes
Contributor(s) Ustá, Virna
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents