Document details

Determinantes de Desempenho em Angola "Uma Análise na ótica da RBV

Author(s): Gomes Neto da Conceição, Emanuel

Date: 2017

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10400.26/18691

Origin: Instituto Superior de Gestão

Subject(s): RBV, Países Emergentes, Competitividade, Estratégia, Internacionalizar


Description

Esta investigação tem como finalidade, apresentar e entender os fatores determinantes dos países emergentes, como os compreendemos e a sua análise na complexidade no desempenho das empresas. Para poder compreender esses determinantes é necessário analisá-los na ótica da RBV. Através da perceção dos recursos possíveis e indispensáveis e do saber aplicá-los de forma diferenciadora, a possibilidade de obter-se vantagem competitiva na relação das instituições com o meio envolvente e seus concorrentes é significativa. É necessário implementar uma estratégia de criação de valor que faça gerar oportunidades, reduzir erros e desenvolver as empresas, tendo capacidade de eficiência como resposta. Segundo Barney (1991), seria bastante improvável que empresas inseridas na mesma indústria e que dispusessem exatamente dos mesmos recursos, apresentassem performances diferentes. Tal situação mostra-se improvável, tendo em vista que todas as empresas dessa indústria teriam acesso aos mesmos tipos de recursos, estando, assim, capacitadas a implementar as mesmas estratégias de criação de valor. Desta forma, o estudo baseia-se em três hipóteses fundamentais: a primeira trata da importância da localização (Distribuição), em termos geográficos, logísticos e o acesso a matérias-primas, como fatores de influência no valor quantitativo do produto com relação aos mercados Enquanto a segunda hipótese centra-se na perceção de capital intelectual (Aprendizagem), na criação de formações e quadros especializados, como forma de competitividade e estratégia de negócio. Desenvolve-se meios de resposta efetiva em diversas áreas e compreende-se como a informação pode-se transformar em conhecimento estratégico e eficaz, num mercado em constante evolução. Por último, a terceira hipótese apresenta a capacidade de organização das instituições (Formação Organizacional) e analisa a forma da empresa ser influenciada pelo meio envolvente, seja em contexto económico, tecnológico, sociocultural ou político-legal, com base em clientes, concorrentes, fornecedores, a própria comunidade num meio transacional. Tal fato obtém-se através do acesso ao direito dos créditos e acordos fiscais, incentivos que permitem a ajuda financeira às instituições.A estas três hipóteses iniciais agrega-se outras quatro, sendo elas: Produtos e Serviços, Processos, Reputação da Empresa e da Marca e Estratégia Geral, segundo o estudo das correlações à performance. Por fim, é realizada uma abordagem investigativa a uma empresa angolana através de um estudo de caso, com o intuito de demonstrar a realidade no mercado.

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Dias, Álvaro
Contributor(s) Gomes Neto da Conceição, Emanuel
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents