Document details

Resultados Contabilísticos versus Resultados Fiscais em Instituições e Entidade do Setor Petrolífero no Contexto Angolano

Author(s): dos Santos António, Gabriel

Date: 2015

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10400.26/23062

Origin: Instituto Superior de Gestão

Subject(s): Angola; Resultado Contabilísticos; Resultados Fiscais; Impostos sobre o rendimento; Bancos; Setor petrolífero


Description

O presente trabalho tem por objetivo principal analisar os resultados contabilísticos em comparação com os resultados fiscais em dois setores da economia angolana, nomeadamente instituições do setor financeiro (Banca) e do setor petrolífero (Sonangol). Entretanto, para chegar aos resultados pretendidos estudamos os impostos sobre o rendimento das instituições de crédito e empresa do setor petrolífero angolano, tendo em conta ser dois setores diferentes, com especificidades no apuramento de resultados contabilísticos e fiscais. Desta feita salientamos que os impostos de rendimentos que foram estudados são o imposto industrial para instituições de crédito (Bancos) e o imposto sobre o rendimento do petróleo para a entidade do setor petrolífero (Sonangol). Assim, para o apuramento dos impostos referidos no parágrafo anterior é importante reconhecer, que é partindo de uma base contabilística para que se alcance os resultados fiscais ou o imposto a pagar ou a receber após correções extra contabilísticas. Na sequência deste trabalho analisaremos também a taxa efetiva de tributação, e suas diferenças comparadamente com a taxa do imposto industrial e do imposto sobre o rendimento petrolífero para que se possa aferir que consequências poderão existir quanto aos resultados fiscais. Para isso recorreu-se às demonstrações financeiras das instituições em estudo, na observância de alguns indicadores financeiros que retrataram como chegar os resultados fiscais. A abordagem destes dois setores deve-se pela importância que apresentam no/para o crescimento e desenvolvimento de Angola, por outro lado pela ligação existente entre ambos apesar de não ser visível a primeira vista.O Plano de Contabilidade Geral, o Plano Contabilístico das Instituições de Crédito (CONTIF), a legislação fiscal em vigor aplicável ao sector bancário e ao sector petrolífero nos anos em estudo, constituíram o quadro regulamentar e suporte importante para a realização deste trabalho.A nossa amostra para este trabalho, enquadra-se em quatro bancos (BPC, BAI, BFA e o Banco Sol), sendo um banco público, dois bancos com capital privado maioritariamente estrangeiro e um banco de capital privado angolano. Três bancos são de grande dimensão, um banco de média dimensão e uma empresa pública do sector dos petróleos nomeadamente a Sonangol. E.P. O trabalho baseia-se em dados secundários dos exercícios de 2013 e 2012. A contabilidade e a fiscalidade apesar das divergências entre ambas, caminham juntas.

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Romã C. F. Ferreira Silva, Maria Leonor
Contributor(s) dos Santos António, Gabriel
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents