Document details

Sexualidade masculina pós-lesão vertebro-medular

Author(s): Cardoso, Jorge Manuel Santos

Date: 2003

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10400.26/4942

Origin: Egas Moniz - Cooperativa de Ensino Superior, CRL

Subject(s): Lesão vertebro-medular; Sexualidade masculina


Description

As lesões vertebro-medulares (LVM) provocam um grau variável de perturbação das funções motoras e sensoriais, acompanhado por um conjunto de alterações psicológicas associadas à perda ocorrida. Influenciada quer pelas especificidades da lesão, quer pela readaptação psicológica, a sexualidade dos indivíduos LVM constitui uma dimensão que não pode ser ignorada pelos elementos da equipa de reabilitação. Pretendeu-se, com este estudo, descrever e analisar as percepções retrospectivas e actuais dos homens LVM acerca das várias dimensões da sua sexualidade, investigando, em simultâneo, os efeitos do nível e extensão lesionais, idade e tempo de lesão, sobre a esfera sexual. Concomitantemente, foi também objectivo testar se existem associações entre o grau de satisfação sexual, a intensidade depressiva e o auto-conceito, averiguando-se ainda se estas variáveis sofrem efeitos das especificidades da lesão (nível e extensão) e/ou dos factores temporais (idade e tempo de lesão). A amostra é constituída por 150 homens LVM – 24 com quadros de tetraplegia completa, 34 tetraplegia incompleta, 53 paraplegia completa e 39 paraplegia incompleta –, todos eles com parceira sexual, fixa e/ou ocasional, durante algum período anterior e posterior à ocorrência da lesão. Com o intuito de acedermos aos vários aspectos da sexualidade dos homens LVM, foi desenvolvida uma entrevista estruturada, orientada para a avaliação das percepções sociais, cognições sexuais, actividade sexual, comunicação sexual, satisfação sexual e reabilitação sexual, contemplando ainda a recolha de informação referente aos dados socio-demográficos e clínicos. Paralelamente, para avaliar o grau de satisfação sexual recorremos ao Índice de Satisfação Sexual, para avaliar a intensidade depressiva utilizámos o Inventário Depressivo de Beck e para avaliar o auto-conceito socorremo-nos do Inventário Clínico de Auto-Conceito. Os resultados obtidos indiciam que após a lesão ocorreram inúmeras alterações na esfera sexual, verificando-se, em regra, diferenças significativas entre o período anterior à lesão e a actualidade. De entre as modificações percepcionadas pelos sujeitos, destacamos a diminuição na importância atribuída à vida sexual, no desejo sexual, na frequência e satisfação com a prática do coito, na capacidade de proporcionar satisfação sexual à parceira e na satisfação sexual pessoal. Constatámos que as capacidades eréctil, ejaculatória e orgásmica são particularmente afectadas, tendo-se verificado que a incompletude lesional é mais favorável do que a completude. O nível da lesão parece não exercer um efeito significativo na variabilidade das alterações com que nos deparámos. Em relação aos factores temporais, verificámos que o avançar da idade acarreta um efeito negativo sobre várias dimensões da sexualidade, enquanto o aumento do tempo decorrido desde que sucedeu a LVM produz um efeito positivo em relação a alguns aspectos – aumento da comunicação sexual e da capacidade de proporcionar satisfação sexual à parceira – e negativo em relação a outros – diminuição no grau de satisfação sexual. A capacidade de proporcionar satisfação sexual à parceira, a satisfação associada aos comportamentos de coito e o desejo sexual percepcionado na parceira são preditores de satisfação sexual. Por outro lado, encontrámos uma associação entre o auto-conceito e o grau de satisfação sexual – quanto mais elevado é o auto-conceito maior é a insatisfação sexual –, o que não acontece entre a intensidade depressiva e o grau de satisfação sexual. Parece-nos inquestionável que, após a ocorrência da LVM, a sexualidade destes sujeitos tenderá a sofrer uma redefinição, a qual poderá ser facilitada através de formatos de intervenção terapêutica direccionados para a reabilitação sexual.

Document Type Doctoral thesis
Language Portuguese
Contributor(s) Cardoso, Jorge Manuel Santos
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents