Document details

Contributos da Literatura para a Infância para o Desenvolvimento Emocional da Criança em Idade Pré-escolar

Author(s): Velosa, Marta Alexandra Miguel Rocha

Date: 2014

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10400.26/8473

Origin: Instituto Politécnico de Portalegre

Subject(s): Literacia Emocional; Emoções; Qualidade Estético-Literária; Ilustração; Literatura para a infância; Emotional literacy; Emotions; Quality Aesthetic-Literary; illustration; Literature for children


Description

A presente investigação leva-nos a reconhecer a importância de uma abordagem emocional em qualquer estratégia educativa que se caracterize pela qualidade, responsividade e equidade. Quando se perspetiva uma educação globalizante mediante uma pedagogia sistémica e participativa, o livro deve fazer-se representar pelas múltiplas vantagens para o desenvolvimento de uma criança cognitiva, social e emocionalmente competente. Neste sentido, e atendendo ao facto de que cabe ao educador disponibilizar um meio rico em interações sociais, o livro surge-nos como promotor e mediador num processo de reconhecimento, reflexão e controlo emocional, capaz de potencializar a comunicação, a curiosidade, a partilha de vivências sociais e emocionais e ainda de aprendizagens significativas. A literatura para a infância está repleta de significações emocionais, capazes de desenvolver na criança habilidades emocionais imprescindíveis na construção de um ser tolerante, confiante, motivado e, acima de tudo, emocionalmente competente. Cabe, por isso, ao educador promover atividades cujos objetivos apontem para a literacia emergente, e para as capacidades literácitas da criança, bem como para o seu desenvolvimento emocional. É com recurso à literatura para a infância que as emoções podem surgir como personagens principais de uma prática pedagógica que prima pelo cuidado, motivação e bem-estar da criança.

This currently investigation leads us to recognize the importance of an emotional approach in any educational strategy that is characterized by quality, responsiveness and equity. When you view a globalizing education through a systemic and participatory pedagogy, book should be represented by the multiple advantages for the development of cognitive, social and emotionally competent child, the book emerges as promoter and mediator in the process of recognition, reflection and emotional control, able to potentialize communication, curiosity, sharing social and emotional experiences and yet meaningful learning. Literature for childhood is full of emotional meanings, able to develop emotional skills in children essential in building a tolerant, confident, motivated and, above all, be emotionally competent. It is, therefore, the educator promote activities whose objectives point to the emergent literacy, and for literary capacities of the child, as well as their emotional development. It is with literature for childhood that emotions can emerge as main characters in a pedagogical practice which press for care, motivation and well-being of children.

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Mendes, Teresa; Silva, Ana Isabel
Contributor(s) Velosa, Marta Alexandra Miguel Rocha
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents