Document details

Os exercícios de fortalecimento pélvico na prevenção da incontinência urinária de esforço

Author(s): Pinto, Joana

Date: 2014

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10400.26/9538

Origin: Escola Superior de Enfermagem do Porto

Subject(s): Pavimento pélvico; Incontinência urinária


Description

O relatório de estágio tem como principal objetivo descrever as atividades e as intervenções desenvolvidas na aquisição de competências específicas em enfermagem de saúde materna e obstétrica, tendo subjacente o regulamento do 2º ciclo de estudos da Escola Superior de Enfermagem do Porto, para obtenção do grau de mestre. As principais áreas de intervenção especializam os cuidados à mulher durante o processo de gravidez com complicações, trabalho de parto e pós-parto. Neste processo foram desenvolvidas intervenções recorrendo à evidência científica e à análise crítica e reflexiva dos cuidados específicos e especializados, problematizamos situações que carecem de intervenções de enfermagem, que podem ser potencializadoras do bem-estar materno desde a gravidez ao pós-parto. Foi também realizada uma revisão integrativa da literatura recorrendo à prática baseada na evidência, que compreende o uso consciente da melhor evidência atual para a tomada de decisão sobre o cuidar individual do paciente. Através da literatura concluiu-se que a eficácia dos exercícios dos Músculos do Pavimento Pélvico na prevenção da Incontinência Urinária de Esforço compreende a realização de um programa de treino intensivo, com a supervisão dos exercícios por parte dos enfermeiros especialistas, sendo necessário motivação por parte da grávida/puérpera para garantir que o programa seja continuado durante o período de tempo necessário. A abordagem mais benéfica para a realização de exercícios dos Músculos do Pavimento Pélvico para prevenção da incontinência urinária passa por proporcionar um programa individual de ensino do treino de força. Tratando-se de um tratamento rentável que utiliza poucos recursos e tem menos efeitos secundários do que os tratamentos farmacológicos e/ou cirúrgicos, poderá também ser indicado um programa de exercícios à população feminina em geral, para prevenir a incontinência urinária na mulher. As recomendações, no que diz respeito ao número e frequência da realização destes exercícios precisam de ser determinadas e clarificadas por pesquisas futuras.

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Contributor(s) Pinto, Joana
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents