Document details

A qualificação dos recursos humanos no sector turístico para o século XXI

Author(s): Amaral, Marta Isabel Casteleiro

Date: 2002

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10174/15527

Origin: Repositório Científico da Universidade de Évora

Subject(s): Qualificação; Competências; Recursos humanos; Formação; Qualification; Skills; Human Resources; Training


Description

A aquisição de qualificação profissional constitui cada vez mais, uma chave para o progresso e mesmo para a «sobrevivência» dos recursos humanos no mercado de trabalho, perante os desafios da sociedade do século XXI. No caso específico do Alentejo, os baixos níveis de qualificação são um obstáculo a ultrapassar para que esta região também possa evoluir e tornar-se competitiva face às restantes. O sector turístico é uma das grandes potencialidades de desenvolvimento da região, pelo que os primeiros passos começam a ser dados de modo a apresentar formas de turismo alternativas ao turismo massificado.ONo entanto, como é sabido, a grande maioria dos empregos no sector turístico continua a não exigir qualificações específicas, pelo que, grande parte das vezes, os empresários acabam por recorrer a trabalho não qualificado. Para além disso, este sector também tem vindo a assumir uma dimensão importante quer pela introdução de inovações tecnológicas, quer pelo próprio grau de exigência dos turistas, muito mais informados e dominadores do conhecimento, o que requer da parte dos recursos humanos que operam neste sector, um conjunto de novas competências, adquiridas quer por via formal (educação, formação profissional) ou informal (experiência). Inserido nesta problemática, encontra-se o tema da presente investigação, que teve, como principais objectivos analisar a opinião dos empresários do sector turístico sobre a importância da qualificação dos recursos humanos perante as exigências do século XXI e sensibilizar os empresários daquele sector para a necessidade de recrutarem recursos humanos devidamente qualificados e incentivarem à reciclagem profissional daqueles que já se encontram no activo. O modelo de análise que sustentou esta investigação baseou-se, sobretudo, na relação entre a qualificação dos recursos humanos e o desenvolvimento (competitividade) empresarial (Rodrigues, 1994; Pfeffer, 1995; Cruz, 1998; Kovács e Moniz, 1997; Kovács et al., 1994) e a qualidade do serviço prestado (Peyraut s.d.; Baptista, 1997), bem como na perspectiva de que a qualificação do indivíduo é o processo de aquisição de um conjunto de competências (técnicas, gerais, comportamentais e sociais), por via formal e informal (Kovács et al., 1998; Kovács, 1999; Lopes et x1.,1999). No presente estudo optou-se pela utilização de um inquérito por questionário aplicado a todos os empresários (proprietários e/ou gerentes) dos estabelecimentos de Alojamento e Restauração do Baixo Alentejo. Porque se tratou, essencialmente, de uma investigação de carácter quantitativo, a estratégia de análise de dados circunscreveu-se à análise descritiva univariada e à análise multivariada (análise factorial por componentes principais, análise de variância multivariada e a análise de regressão linear múltipla), para assim se responder aos objectivos propostos. Os resultados obtidos revelam a influência das variáveis sociodemográficas em cada um dos factores da qualificação dos recursos humanos, destacando-se a idade, a preparação do empresário para a utilização dos novos equipamentos/tecnologias, há quanto tempo é gestor, e quando integrou o mercado de trabalho. Por outro lado, os factores da qualificação de recursos humanos revelaram-se determinantes para o desenvolvimento empresarial, em especial o conhecimento de línguas estrangeiras/boa cultura geral e a actualização de conhecimentos (no caso dos empregados); boa preparação geral e técnica (no caso dos empresários). A qualificação dos recursos humanos também se revelou determinante na melhoria da qualidade do serviço prestado, particularmente os aspectos comportamentais e empíricos (experiência), assim como a formação superior e a capacidade de adaptação a novas situações (no caso dos empregados); e a capacidade de liderança e a boa preparação geral e técnica (no caso dos empresários). É de salientar ainda que a formação também foi considerada determinante na construção da qualificação dos recursos humanos do sector turístico, em especial nas suas componentes tecnológica e comportamental. Conclui-se, por fim, que as características (competências) mais valorizadas pelos empresários do sector, estão relacionadas essencialmente com o aspecto comportamental e empírico dos seus empregados e a capacidade de liderança dos dirigentes dos estabelecimentos. *** - Abstract - The acquisition of professional qualification becomes increasingly a key factor for the progress and even the «survival» of human resources, namely in sight of the challenges posed by twenty-first century society. In the specific case of Alentejo, the low levels of qualification are an obstacle to overcome, so that this region can develop and become competitive towards others. The tourism sector is one of the great potentialities for of the region's development, and the first steps have been given to present alternative forms to massif tourism. However, as it is known, the great majority of the jobs in the tourism sector do not require specific qualifications, yet, so that the entrepreneurs often resort to unqualified workforce. The tourism sector has also been taking on an important role, not only through the introduction of technological innovations, but also due to increasingly demanding tourists, much better informed and knowledgeable, which require the human resources operating in this sector to possess a whole set of new skills, acquired either formally (general education, professional training) or informally (experience). The main objectives of this research were to analyze the opinion of the entrepreneurs of the tourism sector on the importance of human resources qualification in the twenty-first century and also to sensitize the entrepreneurs for the need of requiring well-qualified human resources and to stimulate the professional recycling for the ones already working. The analysis model, which sustained this research, was mainly based on the relationship between human resources qualification and entrepreneurial development and competitiveness (Rodrigues, 1994; Pfeffer, 1995; Cruz, 1998; Kovács e Moniz, 1997; Kovács, 1994), and the quality of the rendered service (Peyraut, s.d.; Baptista, 1997). Moreover, the qualification model is that which regards the individual's qualification as a set of skills (general, behavioral and social skills) acquired either formally or informally (Kovács et al., 1998; Kovács, 1999; Lopes et a1.,1999). The employed methodology rested mainly on the use of a questionnaire applied to all entrepreneurs (owners or managers) of accommodation and restaurant establishments in the district of Beja. As far as the handing of statistical data is concerned and since this research had a mainly quantitative character, the data analysis strategy was confined to descriptive univariate analysis and multivariate analysis (factor analysis, multivariate analysis or Manova, regression linear model). The conclusions reveal the influence of socio-demographic variables in each one of the factors of human resources qualification, such as age; entrepreneur ability to use new equipment I technologies; how long he / she has worked in management; when he I she entered the labor market. On the other hand, factors like the knowledge of foreign languages and general culture and the update training (employees) and a good general and technical preparation (entrepreneurs) have an important relation to business development and competitiveness. Personal training and general education had been considered determining in the construction of human resources qualification in the tourism sector, especially the behavioral and technological components. Finally, the skills more valued by the sector's entrepreneurs are essentially related to experience and behavioral skills (employees) and leadership (entrepreneurs).

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Contributor(s) Figueira, Eduardo Carmo
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo