Document details

Actividade biocida do óxido de etileno em dispositivos médicos

Author(s): Nunes, Ana Ernestina Silveira

Date: 2010

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10174/17400

Origin: Repositório Científico da Universidade de Évora

Subject(s): Esterilização; Óxido de etileno; Dispositivos médicos; Segurança; Desinfecção; Sterilization; Ethylene oxide; Medical devices; Safety; Disinfection


Description

Os dispositivos médicos assumem uma grande importância na medicina actual. No entanto, muitos dos materiais destes dispositivos não podem ser submetidos a processos de esterilização que utilizem temperaturas elevadas, pois deformam-se ou degradam-se, impedindo assim a sua posterior utilização. A esterilização por óxido de etileno é um tipo de esterilização química baseada na utilização deste composto como agente esterilizante, sendo o método recomendado para os dispositivos que não podem ser esterilizados através das técnicas tradicionais de calor e/ou vapor, incluindo artigos termossensíveis e em embalagem final. Tendo em vista a implementação de uma central de esterilização de dispositivos médicos por óxido de etileno, desenvolveu-se este estudo com o objectivo de estudar os factores que contribuem para a contaminação dos dispositivos médicos, nomeadamente: manipuladores, ar, superfícies, matéria-prima, e avaliar as condições microbiológicas em que se encontram após a sua embalagem, bem como a actividade biocida do óxido de etileno em diversos dispositivos médicos contaminados com carga microbiana conhecida. Os resultados obtidos mostraram uma variação da carga contaminante influenciada por diversos factores, nomeadamente durante a produção, em períodos de calor e em superfícies em que mais difícil efectuar a sua higienização, o que obriga à imposição de regras de higiene adequadas de modo a reduzir os valores. Foi avaliada a carga microbiana de diversos dispositivos médicos a qual mostrou que os dispositivos em gaze e não tecido apresentam uma maior carga microbiana que os materiais de plástico e metal. A proliferação ao longo de um período de tempo de armazenamento foi também avaliada. No estudo efectuado comprovou-se que o óxido de etileno é eficaz na esterilização dos diversos dispositivos embalados até uma carga microbiana de 106 ufc/g. Verificou-se também que o método enzimático é sensível a valores de carga microbiana de 107 ufc/g; ABSTRACT:Medical devices have great importance in modern medicine. However many of these medical devices materials cannot be submitted to sterilization processes that use high temperatures, because they can be deformed or degraded, thus preventing there further use. Sterilization by ethylene oxide is a type of chemistry sterilization process based on the use of this reagent, whith is the recommended method for devices that cannot be sterilized by traditional techniques of heat and / or steam, including thermo sensitive medical devices and articles in the final package. In order to implement a central sterilization unit of medical devices by ethylene oxide, this study was carried out to study the factors that contribute to the contamination of medical devices, including: handlers, air, surfaces, raw materials and the microbiological conditions in which they are after packaging. Additionally the biocidal activity of ethylene oxide was evaluated in various medical devices contaminated with known microbial load. The results showed a variation of the microbial load, influenced by several factors, namely during the production, in warmer weather, and in areas where was more difficult to carry out their cleaning, which requires the imposition of rules of proper hygiene to reduce these values. It was also evaluated the microbial load of several medical devices, which showed that the devices in gauze and nonwoven have a higher microbial load than the plastic materials and metal. The proliferation over a period storage time was also evaluated. In the study it was shown that ethylene oxide is effective in sterilization of various devices packed into a microbial load of 106 ufc/g. It was also found that the enzymatic method is sensitive to values of microbial load of 107 ufc/g.

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Contributor(s) Teixeira, António Paulo; Palma, Ana Teresa
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents