Document details

Redução do índice de complexidade da medicação em lar de idosos

Author(s): Pajote, Sara Cristina Cupido Carmo Grou Sim Sim

Date: 2009

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10174/18511

Origin: Repositório Científico da Universidade de Évora

Subject(s): Complexidade da medicação; Idosos; Ensaio controlado randomizado; Polimedicação; Medication complexity; Elderly; Randomized controlled trial; Polypharmacy


Description

Objectivo: este estudo centrava-se na avaliação da eficácia da intervenção de um farmacêutico na Redução do Grau de Complexidade da Medicação num Lar de Idosos. Métodos: tratou-se de um estudo randomizado controlado. A instituição que serviu para a recolha de dados foi o Lar da Santa Casa da Misericórdia das Alcáçovas, localidade que pertence ao concelho de Viana do Alentejo, Distrito de Évora. Foram usados como amostra, os utentes institucionalizados (n=86), que por randomização foram divididos em grupo de intervenção e de controlo respectivamente. Em Março 2007, o Índice Çomplexidade da Medicação (MRCI), foi usado para estabelecer a linha de partida (baseline). Ocorreu uma sessão informativa com o médico acerca da importância e dos efeitos provocados pelo MRCI obtido. A fase de Intervenção teve início em Maio de 2007, e consistiu em reportar ao médico o MRCI para cada utente, o valor médio do MRCI para o Lar e algumas recomendações para o poder reduzir. Noventa dias após a intervenção, o MRCI voltou a ser avaliado para todos os utentes. Resultados: a média de idades para os 86 utentes era de 83,9 anos, com 66,3o/o de mulheres. Na linha de partida, os utentes usavam 7,8 medicamentos e apresentavam um MRCI de 22,9 (95% Cl 20,1: 25,7). Durante a fase de intervenção, 2 utentes do grupo de intervenção e 5 utentes do grupo de controlo faleceram. Após a intervenção, o número de medicamentos reduziu no grupo de intervenção (p = 0,035), mas não no grupo de controlo (p =0,079). O MACI do grupo de intervenção reduziu de 22,2 para 16,8 (p =0,015); enquanto o MRCI do grupo de controlo reduziu apenas de 23,6 para 20,0 (p =0,091). As três secções do MRCI reduziram significativamente no grupo de intervenção, mas nenhum deles reduziu no grupo de controlo. Conclusão: a intervenção de um farmacêutico pode contribuir para reduzir a complexidade da medicação nos idosos, com uma ligeira redução no número de medicamentos a tomar pelos utentes e sem focalizar a intervenção num aspecto específico do regime terapêutico. ABSTRACT; Methods: Randomized controlled study. Patients (n= 86) institutionalized in nursing home to Santa Casa da Misericórdia das Alcáçovas, Viana do Alentejo, Évora. The patients were randomly assigned to intervention and control groups. ln Mars 2007, Medication Regimen Complexity Index (MRCI) was used to establish a baseline... An informative session with the physician about the importance and effects of regime complexity occurred. lntervention started in May 2007, and consisted in reporting to the physician the complexity of each patient medication regime, with references to the average complexity and some recommendations to reduce it. Ninety days after the intervention, MRCI were evaluated in all the patients. Results: average age of the 86 patients was 83,9 years, with 66,3°/o of females. At the baseline, patients were using 7, 8 medicines, and presented a MRCI = 22,9 (95%CI 20,1 : 25,7). During the intervention phase, 2 intervention patients and 5 control patients dead. After the intervention, the number of medicines reduced in intervention group (p=0,035), but not in the control group (p = 0,079).1ntervention MRCI reduced from 22,2 to 16,8 (p =0,015), while control MRCI reduced only from 23,6 to 20,0 (p =0,091). The three section of the MRCI significantly reduced in the intervention, but none of them in the control group. Conclusions: clinical pharmacist interventions can contribute to reducing the medication regime complexity in elderly, with a slight reduction of the number of medicines taken by the patient, and without focusing the intervention in one specific aspect of the medication regime.

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Contributor(s) Fernandez-Llomós, Fernando; Silva, Jorge Humberto Guia da
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents