Document details

Diversidade macrofúngica: um indicador de diferentes tipologias de gestão nas áreas do montado?

Author(s): Andrade, José Mateus Carapeto

Date: 2017

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10174/21759

Origin: Repositório Científico da Universidade de Évora

Subject(s): Macrofungos; Montado; Sobreiro; Azinheira; Portugal; Sistemas HNV; Macrofungi; Montado; Cork-oak; Holm-oak; Portugal; HNV systems


Description

Os macrofungos são organismos de grande importância para os ecossistemas florestais, desempenhando vários papéis essenciais para o seu bom funcionamento, em particular, devido à estratégia trófica que apresentam (mutualistas, decompositores ou parasitas). O Montado é o ecossistema semi-natural predominante na zona Sul de Portugal, onde as relações simbióticas entre macrofungos e espécies vegetais são vitais para a sobrevivência de ambos. Alguns desses macrofungos têm uma distribuição restrita, sendo endémicos da região Mediterrânica, e associam-se exclusivamente com o sobreiro, a azinheira e várias espécies do género Cistus. A gestão tradicional do Montado abarca uma diversidade de tipologias que resultam em paisagens diversificadas, que albergam elencos de espécies distintas. Os resultados obtidos sugerem que a proporção dos diferentes grupos tróficos de macrofungos são um bom indicador de diferentes tipologias de gestão e que os valores da riqueza e diversidade macrofúngica, em particular das espécies micorrízicas, categorizam áreas de elevado valor natural; Macrofungal diversity – an indicator of different management typologies in Montado areas? Abstract: Macrofungi are organisms of great importance for forest ecosystems, playing several essential roles for their proper functioning, particularly due to their trophic strategy (mutualists, decomposers or parasites). Montado is the predominant semi-natural ecosystem in Southern Portugal, where symbiotic relationships between macrofungi and plant species are vital for the survival of both. Some of these macrofungi have a restricted distribution, being endemic to the Mediterranean region, and are exclusively associated with cork oak, holm oak and various Cistus species. The Montado traditional management encompasses a diversity of typologies that result in diversified landscapes that harbor several species. The results obtained suggest that the proportion of macrofungal trophic groups are a good indicator of different management typologies and that the macrofungal richness and diversity, particularly concerning mycorrhizal species, categorize high natural value areas.

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Contributor(s) Silva, Celeste Maria Martins Santos e; Louro, Rogério Filipe Agostinho
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents