Document details

Coagulopathy in sepsis and the prognostic value of abnormal coagulation times

Author(s): Rodrigues, Luís Miguel Manita

Date: 2017

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10174/21771

Origin: Repositório Científico da Universidade de Évora

Subject(s): Sepsis; Coagulation; SIRS; Emergency; Critical care; Sépsis; Coagulação; SIRS; Urgências; Cuidados intensivos


Description

Sepsis is a hard to define condition associated with the deleterious systemic inflammatory response syndrome (SIRS) which ultimately leads to the failure of multiple organs. The mediators released throughout this exaggerated inflammatory reaction activate coagulation pathways and generate a dysfunctional response that results in coagulopathy. The present dissertation includes a literature review regarding the subject of sepsis and associated coagulopathy, along with a study that primarily aims to investigate the use of abnormal coagulation times as biological markers of coagulation dysfunction and as predictors of outcome in veterinary patients who are at risk of developing sepsis. The results suggest that pairing coagulation time data with an organ failure scoring system may be advantageous in the prediction of outcome. Furthermore, critically ill patients should be given a five-day time frame following admission before euthanasia is considered, as most tend to survive their illnesses once they get past this period; RESUMO: COAGULOPATIA NA SÉPSIS E O VALOR DE PROGNÓSTICO DE TEMPOS DE COAGULAÇÃO ALTERADOS A sépsis é uma síndrome de difícil definição e que está associada à síndrome da resposta inflamatória sistémica (SIRS) que leva à falha de múltiplos órgãos. Os mediadores libertados durante esta reação inflamatória exagerada levam à ativação disfuncional da coagulação sanguínea, o que resulta em coagulopatia. A presente dissertação inclui uma revisão bibliográfica sobre o tema da sépsis e a coagulopatia associada, bem como um estudo cujo objetivo primário é o de investigar a utilização de tempos de coagulação alterados, tanto como marcadores biológicos de disfunção da coagulação sanguínea bem como fatores de prognóstico em pacientes veterinários em risco de sépsis. Os resultados do estudo realizado mostram vantagem em associar a avaliação dos tempos de coagulação com sistemas de pontuação de falha orgânica para a realização do prognóstico. Estes sugerem também que os pacientes críticos que ultrapassam os primeiros cinco dias após a sua admissão hospitalar tendem a sobreviver.

Document Type Master thesis
Language English
Contributor(s) Branco, Sandra Maria da Silva; Martins, Ângela
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents