Document details

Uma arquitectura especial. Desenhar o espaço para crianças com o espectro do autismo.

Author(s): Sara Filipa de Araújo Barbado

Date: 2013

Origin: Repositório Aberto da Universidade do Porto

Subject(s): Artes; Arts; Humanidades::Artes; Humanities::Arts; Humanidades::Artes; Humanidades::Artes; Humanities::Arts; Humanities::Arts


Description

This dissertation intends to approach and validate the environmental factors that affectthe performance of autistic children in educational spaces, and aims to contributeto the development of a global consciousness towards this problematic of universalnature and benefit. This study builds a structure that can serve as a tool for architects,designers and facility managers to design educational spaces of high performance foreveryone.The purpose of this work is not to develop or create a recipe of what should or shouldnot be done when designing a space for someone with special needs. Some of theapproached concepts may improve the quality of life of these people, by researchingindicators that can simplify the space, in order to promote and stimulate a set of skills,and also, by giving focus to the needs these children have when processing cognitiveinformation in a very selective way.Thus, there is a crossing of subjects such as Architecture, Inclusive Design and Autism,in order to understand how Architecture can contribute to the development of childrenwith an Autism Spectrum Disorder (ASD).A survey was conducted on this syndrome to better understand the disease, itscharacteristics and limitations, as well as the different interventions used in childrenwith ASD, in order to give them a life as comfortable and independent as possible.Simultaneously, a theoretical approach on the design of learning spaces was done,indicating the prospect of special needs.This research serves as inspiration and encouragement for the staging of possibleapproaches made by architects, bearing in mind that sometimes, what really has aneffect on these people is not what can be done, but, mostly, what must not be done,conducive to maintaining de security of those who inhabit the space.

Este trabalho pretende abordar e validar os factores ambientais que afectam odesempenho de crianças com autismo em espaços educativos e, visa contribuir para odesenvolvimento de uma consciência global para com esta problemática de natureza ebenefício universal. O estudo constrói uma estrutura que poderá funcionar como umaferramenta para arquitectos, designers e administradores de instalações a fim de seprojectarem espaços educacionais de alta performance para todos.O que se tenciona desenvolver, não passa por criar uma receita daquilo que se deveou não desenhar quando se projecta um espaço para alguém com necessidadesespeciais. Abordar-se-ão alguns conceitos que poderão melhorar a qualidade de vidadestas pessoas, procurando indicadores de simplificação do espaço que promovam eestimulem um conjunto de competências, focando a necessidade que estas criançastêm de processar a informação cognitiva de uma maneira muito selectiva.Desta forma, cruzam-se temas como a Arquitectura, o Desenho Inclusivo e o Autismoa fim de se entender de que modo é que a Arquitectura pode contribuir para odesenvolvimento de crianças com Perturbação do Espectro do Autismo (PEA).Centrada neste síndrome, foi realizada uma pesquisa sobre o tema para melhor entendera patologia, as suas características e limitações, bem como as formas de intervençãoutilizadas em crianças com PEA, com o intuito de lhes proporcionar uma vida omais confortável e independente possível. Em simultâneo, fez-se uma abordagemteórica sobre o desenho de Espaços de Aprendizagem apontando a perspectiva dasnecessidades especiais.Esta pesquisa serve de inspiração e suporte para a apresentação de possíveis abordagens,por parte dos arquitectos, tendo sempre em atenção que, por vezes, o que tem realmenteefeito nestas pessoas, não é tanto aquilo que se pode fazer, mas sim aquilo que não sedeve fazer, visando a segurança daqueles que habitam o espaço.

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Contributor(s) Faculdade de Arquitectura
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo