Document details

Viscosuplementação com Ácido Hialurónico no tratamento da disfunção temporomandibular

Author(s): Soares, Bárbara Gonçalves

Date: 2017

Persistent ID: http://hdl.handle.net/20.500.11816/2780

Origin: Repositório CESPU

Subject(s): Hyaluronan; TMJ; Temporomandibular disorders; Hyaluronic acid; Viscosupplementation; Arthrocentesis; Temporomandibular joint


Description

As disfunções temporomandibulares são cada vez mais frequentes e uma vez que afetam a qualidade de vida, são necessários tratamentos que possam atenuar sinais e sintomas. A viscosuplementação com ácido hialurónico é um tratamento usado com o intuito de tratar estas limitações. Objetivos: compreender de que maneira a infiltração com ácido hialurónico atua nos distúrbios temporomandibulares, eliminando ou atenuando os sinais e sintomas. E, em seguida, se existe alguma diferença nas suas características moleculares e nas técnicas de aplicação. Metodologia: pesquisa realizada na base de dados da biblioteca da FMDUP, PubMed e repositório ResearchGate, com recurso às palavras-chave “hyaluronan”, “TMJ”, “Temporomandibular disorders”, “Hyaluronic acid”, “viscosupplementation”, “arthrocentesis”, “temporomandibular joint”. Os artigos selecionados foram publicados entre 1974 e 2015. Discussão: o ácido hialurónico é uma substância natural constituinte dos tecidos articulares, componente base do fluido sinovial. Quando existe uma patologia articular geralmente ocorre uma limitação dos movimentos mandibulares, ruídos articulares e dor. Foram realizados vários estudos em que o ácido hialurónico teve um efeito benéfico tanto na dor, nos movimentos mandibulares e na redução de ruídos articulares. Quanto ao tamanho molecular não existiu diferença significativa entre baixo e alto peso molecular. Relativamente ao número de sessões, um menor número de sessões poderia ser benéfico devido aos efeitos notados logo após a segunda sessão. Conclusão: a viscosuplementação com ácido hialurónico acompanhada de lavagem articular, promove a diminuição da inflamação e do atrito nas superfícies articulares, aumenta a lubrificação, permite a diminuição da dor e a melhoria dos movimentos e ruídos articulares. No entanto, é necessário realizar mais estudos sobre os seus efeitos a longo prazo e estabelecer protocolos específicos a usar em cada tipo de patologia.

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) COELHO, JOSÉ ALBERTO GONÇALVES ROCHA
Contributor(s) Soares, Bárbara Gonçalves
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents