Document details

Necessidade de tratamento Ortodôntico. Perceção de Profissionais de Medicina Dentária e nã Profissionais

Author(s): Sarrico, Jennifer Laurianne Fernandes

Date: 2017

Persistent ID: http://hdl.handle.net/20.500.11816/2785

Origin: Repositório CESPU

Subject(s): Malocclusion; Orthodontic treatment needed; Perception; Demand


Description

A Maloclusão é um problema de saúde pública com uma alta prevalência em diferentes populações e com implicações físicas e psicológicas que influenciam a saúde oral e a qualidade de vida do indivíduo. As interações sociais são também condicionadas pela maloclusão afetando o modo como as pessoas se auto percecionam bem e aos indivíduos à sua volta. Assim sendo, a auto-percepção da saúde oral tem um importante papel no entendimento da influência da maloclusão na qualidade de vida. Enquanto o ortodontista prioriza a função e a oclusão na consulta, o paciente pode perceber que outros fatores são igualmente importantes para iniciar o tratamento. Objectivos: Responder às questões: 1-Qual a maloclusão com maior e menor necessidade de tratamento ortodôntico para os 4 grupos de estudo; 2-Se a profissão influencia a procura de tratamento ortodôntico e a preocupação com os cuidados orais nomeadamente a ida à consulta dentária; 3-Qual dos 2 sexos procura mais o tratamento ortodôntico; 4-Se a idade está relacionada com a procura do tratamento ortodôntico e qual a sua perceção; Metodologia: Para o presente trabalho de campo foi elaborado um inquérito e distribuído pelo público alvo do tema de modo a satisfazer os objetivos propostos. Além disso foi realizada uma pesquisa bibliográfica usando o motor de busca PubMed, com as palavras chave “malocclusion”, “orthodontic treatment needed” e “perception”. Posteriormente foi necessário fazer uma segunda pesquisa no mesmo motor de busca mas com as palavras “demand”, “orthodontic treatment” e “perception”. De ambas as pesquisas foram utilizados apenas os artigos com interesse ao tema. Foi também feito o recurso ao livro Ortodontia Contemporânea de William Proffit, 5ª edição. Discussão: Não foram encontrados estudos que apresentassem os mesmos objectivos propostos no presente trabalho. No entanto, é possível ter um termo comparativo não entre os grupos de estudo neste trabalho avaliados, mas sim entre as características influenciantes e gerais da população. A bibliografia refere que a estética dentofacial é o principal factor determinante na demanda por tratamento ortodôntico. Conclusão: Os Médicos Dentistas Generalistas e os indivíduos não profissionais da área (leigos) consideram que o Apinhamento Dentário é maloclusão com maior necessidade de tratamento ortodôntico. Já os Ortodontistas e os Estudantes de Medicina Dentária consideraram a Mordida Cruzada Anterior. Quanto à maloclusão de menor necessidade de tratamento ortodôntico a maioria, dentro dos 4 grupos de estudo, consideraram ser a presença de Dentes Conóides. Verificou-se que a profissão influencia também o cuidado que o indivíduo tem com a sua saúde oral (tanto a frequência com que vai à consulta dentária como o facto de se ter submetido a tratamento ortodôntico). No que diz respeito à relação do género com o facto de se submeter ao tratamento ortodôntico, o género feminino realiza mais este tipo de tratamento do que o género masculino. Por fim constatou-se que a percentagem de jovens a ter estes cuidados anteriormente referidos é muito maior do que a percentagem de pessoas com mais idade. Assim podemos afirmar que a perceção da necessidade de tratamento ortodôntico e dos cuidados de saúde oral está a aumentar e a ser melhor incutida na população mais jovem.

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) PINTO, RUI MANUEL SIMÕES
Contributor(s) Sarrico, Jennifer Laurianne Fernandes
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents