Document details

Estudo sobre as diferenças interativas e comunicativas de crianças em idade pré-escolar com pais e educadores

Author(s): Ladeiras, Ana Patrícia Graça

Date: 2016

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10400.21/6426

Origin: Repositório Científico do Instituto Politécnico de Lisboa

Subject(s): Interação adulto-criança; Comportamento interativo; Comunicação verbal; Pré-escolar; Interaction child-adult; Interactive behavior; Verbal communication; Pre-school


Description

A investigação TANDEM sobre a qualidade das interações, a comunicação e a atividade entre crianças e adultos tem-se centrado essencialmente na observação dos adultos, prevalecendo a necessidade de compreender o papel da criança nessa relação. Neste estudo, procurou-se investigar o comportamento da criança em idade pré-escolar, sem problemas de desenvolvimento, com Pais e Educadores. Desta forma, 38 meninos (dos quais 20 com Pais e 18 com Educadores) e 32 meninas (das quais 16 com Pais e 16 com Educadores), com idades compreendidas entre os 3 e os 5 anos, foram observadas independentemente, numa situação quasi-experimental. Aos participantes, foi pedido que realizassem, em 20 minutos, um produto, à sua escolha, com materiais e ferramentas que se encontravam ao seu dispor. Pretendia-se descrever e comparar os dois grupos de género, quanto: i) comportamento da criança; ii) qualidade interativa do adulto; iii) tipo de materiais utilizados e o número de componentes do produto e iv) comportamento verbal do adulto. Os resultados indicam que, existe uma associação entre os comportamentos interativos da criança e as várias dimensões do comportamento interativo do adulto. Quando o adulto adota comportamentos positivos e empáticos, a criança revela maior participação e satisfação. No comportamento verbal do adulto, quando este é menos diretivo e dá menos ordens, a criança revela persistência na construção do produto e iniciativa. Por sua vez, quando a criança aceita as sugestões do adulto, este passa a dirigir mais, a realizar mais perguntas de processo e a realizar mais ordens. Comparativamente aos Educadores, a criança com os Pais persiste mais nas suas ideias e aceita mais as sugestões. Por sua vez, com os Educadores, a criança toma mais a iniciativa por ação própria. Os resultados obtidos servem à discussão do papel da criança e dos seus interlocutores nas relações “educativas”.

ABSTRACT: TANDEM research on the quality of interactions, communication and activity between children and adults has focused mainly on observation of adults, prevailing the need to understand the child's role in this relationship. In this study, we sought to investigate the child's behavior in preschool children, without developmental issues, with parents and educators. Thus, 38 boys (of which 20 with Parents and 18 with Educators) and 32 girls (of which 16 with Parents and 16 with Educators), aged between 3 and 5 years, were independently observed in a quasi-experimental setting. Participants were asked to create in 20 minutes, a product of their choice, with materials and tools that were available to them. The aim was to describe and compare the two gender groups, as: i) child's behavior; ii) adult's interactive quality; iii) type of materials used and the number of product components and iv) adult's verbal behavior. The results indicate that there is an association between children's interactive behaviors and the various dimensions of the interactive behavior of the adult. When the adult adopts positive and empathic behaviors, the child reveals greater participation and satisfaction. In adult verbal behavior, when it is less directive and gives less orders, the child reveals persistence in building the product and initiative. On the other hand, when the child accepts the adult suggestions, it starts to direct more, accomplishes more process questions and performs more orders. Comparatively with the educators, the child with the parents persists more in their own ideas and accepts more suggestions. However, with the educators, the child takes matters into their own hands. The results exhibit the child's role discussion and its interlocutors in “educational” relations.

Dissertação apresentada na Escola Superior de Educação de Lisboa para obtenção do grau de mestre em Ciências da Educação Especialidade Intervenção Precoce

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Marina Fuertes
Contributor(s) Ladeiras, Ana Patrícia Graça
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents