Document details

O Desenvolvimento positivo e estratégias de responsabilidade na Educação Pré-Escolar

Author(s): Pavão, Maria Inês Dutra

Date: 2017

Persistent ID: http://hdl.handle.net/20.500.11960/1886

Origin: Repositório Científico IPVC

Subject(s): Educação pré-escolar; Educação física; Responsabilidade pessoal e social; Estratégias de responsabilidade; Pre-school education; Physical education; Personal and social responsability; Personal and social responsability strategies


Description

O presente relatório foi elaborado no âmbito da Prática de Ensino Supervisionada II (PES II) do Mestrado de Educação Pré-Escolar na Escola Superior de Educação de Viana do Castelo. Este relatório apresenta-se dividido em três partes: capítulo I com as caracterizações do agrupamento, Jardim de Infância e grupo de crianças; capítulo II direcionado para o estudo onde é apresentada uma contextualização e apresentação dos objetivos de estudo, fundamentação teórica, metodologia e análise e discussão dos resultados. Para o presente estudo foram delineados os seguintes objetivos específicos: i) analisar os comportamentos de responsabilidade das crianças; ii) desenvolver estratégias para ultrapassar dificuldades e promover a responsabilidade; iii) compreender a utilidade dos jogos na promoção da responsabilidade.Os participantes do estudo foram 24 crianças (13 do sexo masculino e 11 do sexo feminino) com cinco anos de idade, a Educadora Cooperante que tinha 32 anos de experiência e a Educadora Estagiária, tendo esta desenvolvido um programa de intervenção implementando o modelo de Desenvolvimento de Responsabilidade Pessoal e Social de Donald Hellison. Deste modo, foram implementadas quatro tarefas ao longo da intervenção com o intuito de desenvolver gradualmente os níveis do DRPS de Donald Hellison. Os níveis são: a) nível I, respeito pelos sentimentos e direitos dos outros; b) nível II, participação e esforço; c) nível III, autonomia; d) nível IV, liderança e ajuda nos outros e e) nível V, transferência. Utilizou-se uma metodologia de natureza qualitativa, de carácter exploratório, pelo que se recorreu a diversos instrumentos de recolha de dados: i) observação participante ii) diário reflexivo; iii) entrevistas semiestruturadas. Os dados foram analisados através de uma Análise de Conteúdo para a qual foram criados três temas e cinco categorias: antes da intervenção – comportamentos de responsabilidade e necessidade de um modelo; durante a intervenção – tarefas; pós-intervenção – necessidade de tempo; continuidade das estratégias. Antes da intervenção, o grupo apresentava dificuldade em respeitar as ideias e sentimentos dos outros, pelo que foi possível enquadrar este grupo de crianças no nível I de responsabilidade (i.e, respeito). Após a implementação das estratégias de intervenção (i.e., banco da paz, quadro dos pontos, atribuição de medalhas semanais, lugar diferenciado a cada dia na mesa de atividade), os resultados obtidos apontam para uma melhoria dos comportamentos relacionados com a responsabilidade, sugerindo os benefícios de se desenvolver programas de intervenção com este tipo de objetivos e de se adotarem estratégias de responsabilidade. No entanto, dado que os resultados obtidos apontam para a persistência de alguns comportamentos menos adequados (i.e., dificuldade em respeitar colegas, validar ideias dos outros, dividir material/brinquedos) , este estudo vem corroborar a ideia, já referida por outros investigadores, da necessidade de aumentar o período de tempo deste tipo de programas de intervenção, de modo a potenciar os benefícios da adoção de estratégias de responsabilidade.

This report was prepared in the context of practium as a requirement for attaining a Master's Degree in Pre-School Education in the Higher School of Education at Viana do Castelo, Portugal. This report is divided in three parts: chapter I includes a description of the Pre-School setting and group of children; chapter II includes the study´s objectives, a literature review, data analysis, discussion and conclusioons. In this sense, the following specific objectives drove this study: i) analyze children's personal and social responsibility (PSR) behaviors; Ii) develop strategies to overcome difficulties and promote responsibility; Iii) understand how games can help the development of responsibility. The participants in this study were 24 children (13 males and 11 females) with five years of age, the supervisor who was an educator with 32 years of teaching experience, and the student-educator, who developed an intervention program based on Donald Hellison’s Model of Taking PSR model. Thereby, four activities were implemented throughout the intervention in order to gradually develop Donald Hellison's PSR model, such as: a) level I, respect for the feelings and rights of others; b) level II, prticipation and efort; c) level III, autonomy; d) level IV, leadership and helping others and e) level V, transference. A qualitative approach was used as the study had an exploratory nature. Hence, several data collection instruments were used: i) participant observation ii) reflexive journals ; Iii) semi-structured interviews. The data were analyzed through a content analysis that generated three themes and five categories: pre-intervention,- responsibility behaviors and the need for a model; throughout the intervention, - activities; post-intervention, - need for time and continous use of strategies. Before the intervention, the group showed some difficulties in respecting the ideas and feelings of others. Based on the children´s observed behaviors, it was possible to conclude there was a need to develop Hellison´s level I of responsibility (i.e., respect). After implementing the intervention strategies (i.e., peace bench, point board, attribution of weekly medals, different seats in the activity table every day) the findings point to an improvement in responsibility behaviours, suggesting the benefits of developing intervention programs with this type of objectives and adopting PSR strategies. However, given that the results point to the persistence of some challenging behaviours (i.e., difficulty in respecting colleagues, validating other people’s ideas, sharing material/toys), this study supports the idea, already mentioned by other researchers, that there is the need to increase the duration of this type of programs in order to maximize the benefits and advantages of adopting PSR strategies to promote these type of outcomes.

Relatório Final de Prática de Ensino Supervisionada do Mestrado em Educação Pré-escolar apresentado na Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Viana do Castelo

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Santos, Fernando de Sousa Ferreira dos
Contributor(s) Pavão, Maria Inês Dutra
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents