Document details

Quando a pauta é religião: a cobertura jornalística da visita do papa Francisco ao Brasil pelos portais G1 e R7

Author(s): Aguiar, José Reginaldo

Date: 2015

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10071/10587

Origin: Repositório do ISCTE-IUL

Subject(s): Religião; Media; Jornada mundial da juventude; Webjornalismo; Eventos mediáticos; Religion; Media; World youth day; Web journalism; Media events


Description

A apropriação dos assuntos religiosos pelos media e a incorporação da linguagem e das técnicas de comunicação pelas igrejas transformaram a relação entre esses dois importantes campos sociais na contemporaneidade. Essa interdependência pode ser comprovada na cobertura jornalística de grandes eventos religiosos, como a Jornada Mundial da Juventude, caracterizados pela participação de grandes públicos e forte repercussão nos meios de comunicação social. É neste contexto que o presente trabalho avança na análise da cobertura da JMJ do Brasil, realizada em 2013, pela ótica dos portais de notícias das Organizações Globo, G1, e da Central Record de Comunicação, R7. As duas empresas concorrem no plano da audiência e também divergem no espectro religioso, por terem relações institucionais com credos religiosos diferentes, Igreja Católica e Igreja Universal do Reino de Deus, respectivamente. Este cenário de antagonismos e forte disputa é campo fértil para a análise das diferenças e dos pontos de convergência do discurso jornalístico produzido pelos dois grupos durante a visita do papa Francisco ao Brasil. Com o uso do método qualitativo, e da técnica de análise de conteúdo, a investigação se debruçou sobre textos, fotografias e outros elementos característicos da produção jornalística na internet, como vídeos, áudios e infográficos. É possível verificar através dessa análise comparativa o forte empenho do portal da Globo em promover o evento católico como se porta-voz da instituição fosse. Já o portal da Record assume o contra discurso e aposta numa linha declaradamente mais crítica e, por vezes, neutra, na cobertura do fato.

The appropriation of religious issues by the media and the incorporation of language and communication skills by churches transformed the relationship between these two important social fields in these nowadays world. This interdependence can be seen in media coverage of major religious events such as the World Youth Day marked by the participation of large public and strong repercussion in the media. It is in this context that the present work aims to analyse the WYD coverage in Brazil, in 2013, from the perspective of the news portals of Globo Organizations, G1, and the Central Record of Communication, R7. The two companies compete in the audience level and also differ in the religious spectrum, given the institutional relations with different religious beliefs, the Catholic Church and Universal Church of the Kingdom of God, respectively. This antagonism and the strong competition are fertile ground for the analysis of the differences and points of convergence of journalistic discourse produced by the two groups during the visit of Pope Francisco to Brazil. Using the qualitative method, and the content analysis technique, research has focused on text, photographs and other elements of journalistic production on internet such as video, audio and infographics. By comparative analysis we can see the strong commitment of the globe portal to promote Catholic event as the institution's spokesman. By other side the portal of Record takes against speech and bet on a more critical line and sometimes neutral, in the fact coverage.

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Santos, Susana Alexandra Lopes da Costa
Contributor(s) Aguiar, José Reginaldo
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents