Document details

Ser competitivo ou ser equitativo? Determinantes da equidade externa e interna das estruturas de compensação no Mercado Português

Author(s): Ledo, Marioneta Duarte

Date: 2010

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10071/2043

Origin: Repositório do ISCTE-IUL

Subject(s): Compensação fixa; compensação variável; equidade interna; equidade externa; estratégia; Fixed compensation; variable compensation; internal equity; external equity; strategies


Description

Esta dissertação analisa a relação existente entre a equidade interna e externa com base na Compensação Fixa e Variável. A análise teve como base uma amostra de 96 empresas, relativa ao ano de 2007, abrangendo cerca de 7.067 colaboradores de quatro sectores de actividade, designadamente Bens de Consumo, Grande Distribuição, Tecnologias de Informação e Segurador, e de quatro áreas funcionais, nomeadamente, Comercial, Marketing, Financeira e Recursos Humanos. Os objectivos do estudo pretendem-se com a análise das influências das características das empresas sobre a equidade interna e externa, do papel da Compensação Variável na equidade interna e externa e do papel da estratégia da empresa na equidade interna e externa. Realizaram-se diversas Análises de Correspondências Múltiplas, de forma a estabelecer ligações entre as variáveis e compreender as suas diferentes contribuições na definição de um sistema de compensação. Os resultados mostraram que a equidade externa e interna são duas dimensões ortogonais definidas, respectivamente, pelas variáveis Posição no Mercado e Leques Salariais, enquanto que a Taxa de Progressão representa um papel moderador de ambas. Os resultados mostram também que o conceito de atribuição de compensação por desempenho está mais fortemente correlacionado com a equidade interna, enquanto que o valor atribuído por esse desempenho está mais fortemente correlacionado com a equidade externa. Os resultados são apurados com a realização de uma abordagem relacional sobre múltiplas variáveis determinantes do negócio (Sector de Actividade e Estratégia da Empresa) e da estrutura (Volume de Negócios, Número de Colaboradores e nacionalidade da Casa Mãe).

This study explores the relationship between internal and external equity based on fixed and variable compensation. The analysis was based on a sample of 96 companies, with reference of the year 2007, covering about 7.067 employees in four distinct industry sectors including: Consumer Goods, Retail, Information Technology and Insurance, and four functional areas, including Sales, Marketing, Finance and Human Resources. The primary objective of this study is intended with the analysis of the influence of business characteristics on internal and external equity, the role of Variable Compensation in internal and external equity and also of corporate business strategy. For this purpose several Multiple Correspondence Analysis were made, in order to establish links between the different variables and to understand the different contributions in the definition of a compensation system. The results showed that external and internal equity are two orthogonal dimensions defined respectively by the variables Market Position and Salary Fans, while the Rate of Progression is a key moderator of both. The results also show that the concept of allocation of compensation for performance is strongly correlated with internal equity, while the value assigned for performance is deeply correlated with external equity. The results are obtained with the implementation of a relational approach on multivariate determinants of business (Industry Sector and Corporate Strategy) and structure (Revenues, Number of Employees and Nationality of the Company).

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Duarte, Henrique
Contributor(s) Ledo, Marioneta Duarte
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents