Document details

Bairrista e multicultural: imagens da Mouraria em Lisboa

Author(s): Carvalho, Maria Helena Calçarão

Date: 2013

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10071/7027

Origin: Repositório do ISCTE-IUL

Subject(s): Antropologia urbana; Imagens; Bairrismo; Multicultural; Lisboa; Urban anthropology; Images; Parochialism; Lisbon


Description

Esta dissertação tem por base uma pesquisa antropológica cuja temática central se desenvolve em torno da análise de duas das imagens associadas ao bairro da Mouraria em Lisboa: bairrista e multicultural. Será que um bairro conhecido pela sua multiplicidade étnica, quer a nível residencial quer a nível comercial, poderá estar a perder a sua identidade de bairro “típico e popular” de Lisboa e a consolidar por fim uma imagem multicultural? O bairro está a passar por uma fase de transformação a vários níveis. Projetos de requalificação, reabilitação urbana e revitalização, estão na base de uma nova imagem da Mouraria, que se quer cosmopolita, moderna e aberta ao turismo. Numa altura em que tanto se fala de diversidade cultural e onde a identificação e a integração do “Outro” são fatores essenciais para as cidades contemporâneas, será que a imagem multicultural se está a sobrepor à bairrista? Existe algum tipo de relação entre elas? A análise de estas duas imagens é feita a partir da observação de dois eventos que ocorrem no bairro: A Marcha da Mouraria (lado bairrista) e o Festival TODOS-Caminhada de Culturas (lado multicultural).

This thesis is based on anthropological research whose central theme revolves around the analysis of two images associated with Mouraria, the Moorish quarter in Lisbon: popular and multicultural. May a neighborhood known for its ethnic multiplicity, both at residential and commercial level, be losing its identity as a typical and popular Lisbon quarter and finally consolidating a multicultural image? The neighborhood is undergoing a moment of transformation at various levels. Regeneration projects, urban renewal and revitalization, are the basis of a new image of the Moorish quarter, which one wants cosmopolitan, modern and open to tourism. At a time when there’s so much talk on cultural diversity and on how essential the identification and integration of the "Other" are to contemporary cities, is Mouraria’s multicultural image overriding its popular one? And is there any relationship between them? The analysis of these two images is done through the observation of two events that occur in this urban quarter: The March of the Moorish quarter (popular side) and TODOS - Walk Festival of Cultures (multicultural side).

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Cordeiro, Graça Índias
Contributor(s) Carvalho, Maria Helena Calçarão
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents