Document details

A experiência subjectiva da ideação suicida em estudantes universitários numa perspectiva fenomenológico-existencial

Author(s): Pereira, Denise Alexandra Rodrigues

Date: 2015

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10400.12/4488

Origin: Repositório do ISPA - Instituto Universitário

Subject(s): Ideação suicida; Estudantes universitários; Perspectiva fenomenológico-existencial; Suicidal ideation; University students; Existential-phenomenological perspective; Domínio/Área Científica::Ciências Sociais::Psicologia; Domínio/Área Científica::Ciências Sociais::Psicologia; Domínio/Área Científica::Ciências Sociais::Psicologia


Description

Problema. A ideação suicida e os factores de risco são bastante estudados na literatura, mas parece haver uma lacuna quanto à compreensão da experiência individual e subjectiva de quem deseja o término da sua existência. Objectivo. Este estudo pretende compreender que temáticas existenciais estão presentes na ideação suicida, como se manifestam e são significativas para a experiência subjectiva e individual do sujeito. Método. Entrevistas semiestruturadas de investigação, baseadas no método fenomenológico, a 3 estudantes universitários na faixa etária de 18-23 anos. Estas foram analisadas através do método fenomenológico de Giorgi, que consiste em 4 passos. Resultados. Emergiram os significados psicológicos da necessidade de apoio/suporte, sentimento de ser um fardo, sentimento de desvalorização/desinvestimento, conflitos ou desequilíbrios, impossibilidade de expressão/elaboração do mal-estar e consciencialização. Discussão. A conexão e expressão emocional permitem (e são factoreschave) na transformação do sofrimento insuportável em suportável. A consciencialização implica dar sentido e significado ao sofrimento como sendo parte integrante da existência, desafio essencial aos indivíduos com ideação suicida.

ABSTRACT: Problem. Studies about suicidal ideation and its risk factors are abound in research literature, but there seems to be a lack of studies about the individual and subjective experience of an individual who wishes for the end of his existence. Objective. This study strives to understand which existential themes are present in suicidal ideation and how they manifest and are significant to the subject’s individual experience. Method. Semi-structured investigation interviews, based on the phenomenological method, to 3 university students, between 18-23 years of age. These were analysed by Giorgi’s phenomenological method, consisting of 4 steps. Results. The psychological meanings that have emerged are the need of support, feeling of being a burden, feeling of devaluation/disinvestment, conflicts or imbalances, impossibility of expressing/verbalizing distress and awareness. Discussion. Connection and emotional expression allow (and are key) for the transformation of suffering from unbearable into bearable. Awareness implies to make sense and give meaning to suffering as an integral part of existence, which is essential to individuals’ with suicidal ideation.

Dissertação de Mestrado apresentada ao ISPA - Instituto Universitário

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Sousa, Daniel Cunha Monteiro de
Contributor(s) Pereira, Denise Alexandra Rodrigues
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents