Document details

Responsabilidade social das empresas: em busca do equilíbrio económico, social e ambiental

Author(s): Moura, Mário Rui de Abreu Duarte

Date: 2014

Persistent ID: http://hdl.handle.net/11144/692

Origin: Camões - Repositório Institucional da Universidade Autónoma de Lisboa

Subject(s): Economia de Empresa; Responsabilidade Social


Description

O estudo de responsabilidade social das empresas (RSE) que se apresenta é resultado de três questões de base: (a) Quais são as práticas empresariais que mais contribuem para a RSE; (b) Qual é a relação que existe entre as práticas empresariais e as variáveis de gestão selecionadas; (c) Qual é a influência da dimensão das empresas e do setor de atividade nas práticas? Trata-se de um estudo descritivo e correlacional baseado em duas amostras de empresas portuguesas (2613 e 69 empresas) e pressupõe que a RSE varia de acordo com o comportamento empresarial relativamente a clientes, direitos humanos, liderança, práticas laborais, parcerias e recursos, ética e desenvolvimento da comunidade. Analisa-se quais são as práticas empresariais que mais contribuem para a configuração de empresas socialmente responsáveis e testa-se seis hipóteses que permitem determinar o sentido e a intensidade dos níveis de responsabilidade social. O estudo estabelece paralelo com outros estudos para identificar a evolução e a intensidade de aplicação dos recursos nas dimensões económica, social e ambiental. Os resultados revelam que a aplicação dos recursos relevantes para a RSE incide predominantemente na dimensão económica, relegando para segundo plano os recursos relativos às dimensões social e ambiental. Estes resultados assemelham-se aos encontrados em estudos portugueses entre 2004 e 2009, indiciando um persistente desequilíbrio no ´tripé da sustentabilidade’. As seis hipóteses testadas são confirmadas em cinco casos, com a possibilidade de confirmação em todos os casos mediante um estudo mais aprofundado sobre a hipótese relativa às práticas de respeito dos direitos humanos. Os resultados mostraram que as variáveis de gestão selecionadas exercem influência sobre os níveis de responsabilidade social das práticas. A variável dimensão da empresa não exerce muita influência sobre as práticas de RSE, mas em termos descritivos verifica-se a existência de padrões sequenciais de melhores práticas por dimensão das empresas e setores de atividade. Os resultados alcançados constituem um desafio às empresas no sentido de incluirem a RSE na estratégia global adotada e promoverem o equilíbrio do ‘tripé da sustentabilidade’ a médio prazo.

Document Type Doctoral thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Dias, Álvaro Lopes
Contributor(s) Moura, Mário Rui de Abreu Duarte
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents