Document details

Jesus um homem para os outros : a salvação como libertação : uma reflexão no contexto da UL 2 do 6º ano de escolaridade

Author(s): Carvalho, Carlos Alberto Santos de

Date: 2018

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10400.14/25670

Origin: Veritati - Repositório Institucional da Universidade Católica Portuguesa

Subject(s): Religião; Mistério; Iliteracia religiosa; Pluralismo; Bíblia; Linguagem; Libertação; Liberdade; Criação; Êxodo; Profetismo; Espírito Santo; Trindade; Singular humanidade; Dinamismo incarnatório; Santidade peculiar; Filiação; União hipostática; Fórmula de Calcedónia; Misericórdia; Salvação; Ressurreição; Religion; Mystery; Religion illiteracy; Pluralism; Bible; Liberation; Liberty; Creation; Exodus; Israel prophetism; Jesus; Holy Spirit; Trinity; Singular humanity; Incarnation dynamism; Peculiar holiness; Filiation; Hypostatic union; Calcedony profession; Mercy; Salvation; Resurrection; Domínio/Área Científica::Humanidades::Filosofia, Ética e Religião; Domínio/Área Científica::Humanidades::Filosofia, Ética e Religião; Domínio/Área Científica::Humanidades::Filosofia, Ética e Religião


Description

No presente texto, partindo da afirmação de que o ser humano é, desde a sua origem, um ser religioso, procura-se fundamentar a existência da disciplina de EMRC, como resposta aos desafios contemporâneos da iliteracia religiosa, da ausência de sentido e do pluralismo. Depois de uma reflexão cuidada sobre a Prática de Ensino Supervisionada, a partir da história do dogma e da Tradição, apresentando Jesus como libertador e inspirado pela Palavra de Deus, procurase traduzir o conceito teológico de salvação como libertação. Deste modo, afirma-se que as aulas de EMRC devem ser humanizadoras, recentrando-se na hermenêutica bíblica e procurando traduzir para uma linguagem contemporânea conceitos teológicos complexos. Conclui-se, por isso, que a salvação que Jesus realiza e oferece é a libertação do ser humano e a concretização plena da sua vocação para ser livre.

The present text, based on the assertion that the human being is, from his origin, a religious being, seeks to justify the existence of the EMRC discipline, in response to the contemporary challenges of religious illiteracy, lack of meaning and pluralism. After a careful reflection on the Supervised Teaching Practice, starting from the history of dogma and Tradition, presenting Jesus as liberator and inspired by the Word of God, we seek to translate the theological concept of salvation as liberation. In this way, it is affirmed that the classes of EMRC must be humanizing, refocusing on biblical hermeneutics and trying to translate complex theological concepts into a contemporary language. It is concluded, therefore, that the salvation that Jesus accomplishes and offers is the liberation of the human being and the full realization of his vocation to be free.

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Palma, Alexandre Coutinho Lopes de Brito; Garcia Ambrosio, Juan Francisco
Contributor(s) Carvalho, Carlos Alberto Santos de
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents