Document details

Conceptualizing the marine environment through the analysis of children's drawings

Author(s): Soares, Joana Rita de Castro Nunes

Date: 2017

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10451/32067

Origin: Repositório da Universidade de Lisboa

Subject(s): Literacia sobre o oceano; Consciencialização ambiental; Mares e oceanos; Desenhos; Percepções de crianças; Escolas; Teses de mestrado - 2017; Domínio/Área Científica::Ciências Naturais::Ciências Biológicas; Domínio/Área Científica::Ciências Naturais::Ciências Biológicas; Domínio/Área Científica::Ciências Naturais::Ciências Biológicas


Description

De entre os diversos problemas ambientais que caracterizam a idade contemporânea os do Oceano estão entre os mais preocupantes devido à diversidade e magnitude dos seus impactos. Na verdade estes problemas não são um inconveniente exclusivo dos organismos marinhos mas afectam sim, todas as formas de vida marinha e terrestre que dependem do oceano para a sua subsistência. Os presentes panoramas marinho e terrestre surgem como resultado das actividades humanas e apesar de todos os alertas que têm sido lançados para a consciencialização ambiental oceânica, os comportamentos humanos caminham, na maioria das vezes, numa direcção oposta a estes esforços. Uma vez que os comportamentos possuem uma dupla natureza racional e emocional, baseadas em percepções que levam a interpretações e, por sua vez, a intenções procurou-se clarificar a forma como era representado o oceano. Tendo em conta que o processo de aprendizagem e reconstrução de valores, atitudes e comportamentos exige tempo e trabalho, o foco nas gerações mais jovens é essencial. Para o efeito, no presente estudo, foram seleccionadas 6 escolas de três áreas distintas (Rural, Urbana Recente e Urbana Antiga, dentro de ou próximas de Lisboa). Através de uma visita presencial, foi pedido aos alunos do primeiro ciclo destas escolas que desenhassem aquilo que acreditavam existir no oceano, e as suas criações foram recolhidas e utilizadas como fonte de informação das percepções e conhecimentos prévios. Após um intervalo de aproximadamente duas semanas, 3 das escolas iniciais foram sujeitas a uma pequena sessão educativa sob o formato de PowerPoint e no mesmo dia, imediatamente após a sessão, foi pedido aos seus alunos que elaborassem novamente um desenho com base no mesmo enunciado da primeira visita e recolhidos os seus trabalhos. Esta segunda recolha efectuou-se tanto nas escolas que participaram na sessão, como também nas restantes. As 3 escolas que não assistiram a qualquer apresentação funcionaram como controlo para termos de comparação. A apresentação incidiu sobre dois tópicos essenciais, um natural e descritivo das características do oceano e de todos os seus atributos e um antropocêntrico, referente aos impactos a relação entre o Homem e o oceano. Com a análise dos desenhos correspondentes às duas visitas pretendeu-se averiguar o sucesso da transmissão e captação de conhecimentos, confirmado pela representação de novos elementos na segunda visita, e este sucesso mostrou-se evidente nas turmas submetidas à sessão educativa. Este trabalho detectou pequenas tendências em alguns dos elementos desenhados pelos géneros e registou também pequenas diferenças entre as áreas urbanas e rural. Dos temas abordados durante a apresentação, aquele cujo impacto nos desenhos das crianças registou maiores diferenças entre visitas foi o do lixo marinho. As crianças revelaram ter uma elevada sensibilidade para com os temas ambientais e comprovaram que abordagens visuais de causa-efeito produzem resultados imediatos numa fase precoce da idade.

Among the various environmental problems that characterize the contemporary age, those concerning the ocean are among the most concerning due to the diversity and magnitude of its impacts. In fact, these problems are not only an inconvenience for marine organisms but they affect all forms of marine and terrestrial life that depend on the ocean for their subsistence. The present seascape and landscape emerges as a result of human activities, and despite all the warnings that have been raised for ocean environmental awareness, human behaviours are often towards the opposite direction of these efforts. Since the behaviors are under a dual rational and emotional nature, based on perceptions that lead to interpretations and intentions, it was sought to clarify the way the ocean was seen and represented. Since the process of learning and rebuilding values, attitudes, and behaviors takes time and work, a focus on the younger generation is essential. With this scope, in the present study, six schools of three distinct areas were selected (countryside, urban recent and urban old areas, within or nearby Lisbon). Through a in person visit, students in the first cycle of these schools were asked to draw what they believed existed in the ocean, and their creations were collected and used as a source of information on perceptions and previous knowledge. After an interval of approximately two weeks, 3 of the initial schools were subjected to a small educational session in PowerPoint format and on the same day, immediately after the session, their students were asked to produce a drawing based on the same principle from first visit and their work was collected. This second collection took place both in the schools participating in the session and in the others. The 3 schools that did not attend any presentation functioned as controls for terms of comparison. The presentation focused on two essential topics, a natural and descriptive of the characteristics of the ocean and all its attributes and an anthropocentric one, concerning the impacts of the relation between mankind and the ocean. The analysis of the drawings corresponding to the two visits was intended to verify the success of the transmission and knowledge retention, confirmed by the representation of new elements in the second visit, and this success was evident in the classes submitted to the training session. This work detected small trends in some elements drawn by the genders and also revealed small differences between urban and rural areas. Of the topics covered during the presentation, the one whose impact on children's drawings recorded the greatest differences between visits was marine litter. Children have shown a high sensitivity to environmental issues and have demonstrated that visual cause-and-effect approaches produce immediate results at an early age.

Tese de mestrado em Ecologia e Gestão Ambiental, apresentada à Universidade de Lisboa, através da Faculdade de Ciências, em 2017

Document Type Master thesis
Language English
Advisor(s) Cabral, Henrique N.,1969-; Brito, Cristina
Contributor(s) Soares, Joana Rita de Castro Nunes
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents