Document details

Arquitectura funerária, simbolismo e relação com o lugar

Author(s): Franco, Renato Miguel Vicente, 1991-

Date: 2017

Persistent ID: http://hdl.handle.net/11067/2636

Origin: Lusíada - Repositório das Universidades Lusíada

Subject(s): Cemitérios; Monumentos funerários - História; Arquitectura e religião


Description

A presente dissertação tem como finalidade o estudo da arquitectura do espaço funerário, da sua relação com a cidade e do simbolismo destes espaços, tanto a nível social, como religioso e arquitectónico. Este estudo tem então a necessidade de compreender a origem do espaço funerário e como este evoluiu no tempo, no espaço e simbolicamente nas sociedades. Assim, o presente estudo abarca um alargado período temporal, iniciado nas primeiras civilizações e terminando com dois casos de estudo actuais de ideologias religiosas divergentes. Pretende-se, deste modo, a desmistificação de práticas irrefutavelmente atribuídas às crenças da entidade religiosa (e respectivas sociedades), que causa o desaparecimento do tema no debate da arquitectura moderna e condiciona as potencialidades e correlações destes lugares com as envolventes. Dada a sensibilidade da temática e a ambição de melhor compreendermos as opções tipológicas e as práticas do ritual fúnebre, sentimo-nos forçados a estudar, por vezes, não só as ideologias religiosas, mas também o comportamento e o pensamento individual e colectivo do ser humano. Com isto a presente dissertação divida em três capítulos diferentes, aborda no primeiro capítulo a evolução temporal e espacial da arquitectura funerária e a origem de diversos comportamentos humanos perante este tema. No segundo capítulo, sendo o projecto a reprodução das crenças, do meio de maturação, da sociedade e das referências do arquitecto, cingimo-nos ao estudo dos responsáveis pelos projectos subsequentemente em estudo. Por fim, no terceiro e último capítulo estudar-se-ão duas abordagens contemporâneas divergentes – uma da cultura mediterrânea e outra da cultura nórdica -, contudo eficazes e válidas na adequabilidade às três temáticas – espaço funerário, simbolismo e relação com o lugar -, constituindo-se como possíveis referências a futuras intervenções.

Dissertação de mestrado integrado em Arquitectura, Universidade Lusíada de Lisboa, 2016

Exame público realizado em 18 de Novembro de 2016

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Alves Rui Manuel Reis 1964-
Contributor(s) Franco, Renato Miguel Vicente, 1991-
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents