Document details

Os estilos parentais e o funcionamento familiar

Author(s): Santo, Rafaela Coelho, 1993-

Date: 2017

Persistent ID: http://hdl.handle.net/11067/3622

Origin: Lusíada - Repositório das Universidades Lusíada

Subject(s): Pais e filhos; Parentalidade; Responsabilidade dos pais; Famílias - Aspectos económicos


Description

A presente investigação seguiu através dos pressupostos de Bronfenbrenner (1979), com base na ligação entre os vários sistemas integrantes na vida do sujeito, que poderiam afetar o seu estilo parental. O estudo realizado tinha o objetivo de compreender a relação entre os estilos parentais e o funcionamento familiar, tendo em conta diferentes variáveis sociodemográficas. De cariz quantitativo, utilizou instrumentos como a escala de estilos de funcionamento familiar e a escala EMBU-P, foi recolhida uma amostra de 1096 pessoas contendo as opiniões de cuidadores responsáveis por crianças e jovens entre os 6 e 16 anos de idade. Os resultados desta investigação indicaram que os estilos parentais se encontravam relacionados com o funcionamento familiar, estando ligados a variáveis como o meio de residência, o número de filhos e o nível socioeconómico, percebeu-se que cuidadores com um funcionamento familiar mais positivo registavam por norma altos níveis de suporte emocional e baixos níveis de rejeição, quanto à influencia das variáveis sociodemográficas descobriu-se que cuidadores com um maior número de filhos a seu encargo aparentavam ter mais tendência a utilizar estratégias de rejeição, cuidadores de alto nível socioeconómico utilizavam mais estilos de suporte emocional e menos estratégias de controlo, também cuidadores residentes em ambientes urbanos pareciam apresentar uma maior tendência de utilizar estilos parentais de suporte emocional. Estes resultados foram de encontro ao esperado a partir da literatura descoberta, aumentando a perceção e o conhecimento sobre esta temática, serão capazes de influenciar profissionais e cuidadores motivando uma forma de parentalidade mais positiva.

Dissertação de mestrado em Psicologia Clínica, Universidade Lusíada de Lisboa, 2017.

Exame público realizado em 23 de Novembro de 2017.

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Gaspar, Tânia, 1977-
Contributor(s) Santo, Rafaela Coelho, 1993-
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents