Document details

Modelo de ação comunicativa e de informação para redes sociais em ambientes digitais

Author(s): Marques, Márcia

Date: 2015

Origin: Oasisbr

Subject(s): Redes sociais; Competências em informação e comunicação; Transdisciplinaridade; Ambiente virtual


Description

Tese (doutorado)—Universidade de Brasília, Faculdade de Ciência da Informação, Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação, 2015.

Submitted by Ana Cristina Barbosa da Silva (annabds@hotmail.com) on 2015-05-12T16:45:21Z No. of bitstreams: 1 2015_MarciaMarques.pdf: 7147670 bytes, checksum: 1b5c5b3281b5a92b83e847ffd9c3ad09 (MD5)

Approved for entry into archive by Guimaraes Jacqueline(jacqueline.guimaraes@bce.unb.br) on 2015-05-14T11:06:21Z (GMT) No. of bitstreams: 1 2015_MarciaMarques.pdf: 7147670 bytes, checksum: 1b5c5b3281b5a92b83e847ffd9c3ad09 (MD5)

Made available in DSpace on 2015-05-14T11:06:21Z (GMT). No. of bitstreams: 1 2015_MarciaMarques.pdf: 7147670 bytes, checksum: 1b5c5b3281b5a92b83e847ffd9c3ad09 (MD5)

O modelo de ação comunicativa e de informação para redes sociais em ambientes digitais é uma articulação transdisciplinar de conhecimentos e saberes que orienta a construção coletiva e colaborativa de estratégias inclusivas de comunicação e de formação permanente de competências para promover o entendimento entre atores integrantes de uma rede social. A Ciência da Informação, a Comunicação e as Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) organizam, em relação de transdisciplinaridade, esta articulação. Este modelo é base para o diagnóstico e o planejamento de ações: para a construção coletiva de relações de comunicação negociadas entre os participantes da rede; para a criação de ambientes digitais que propiciem espaços de aprendizagem para o enfrentamento da informação e da comunicação; para que especialistas em comunicação pública promovam a transparência da informação, como previsto na Constituição e na Lei de Acesso à Informação do Brasil. O modelo articula metodologias para análise do indivíduo e da rede (Estudo de Usuários, Análise de Redes Sociais, Multivocalidade) para obter diagnóstico e elaborar planejamento de ações de comunicação e de informação. As metodologias do modelo foram testadas em diferentes tipos de redes e são apresentadas nesta tese.

The communicative action and information model for social networking in digital environments is a transdisciplinary articulation of knowledge and learning that guides the collective and collaborative construction of inclusive communication strategies and ongoing development of competencies to promote understanding between the players, members of a social network. Information Science, Communication itself and Information and Communication Technologies (ICT) promote this articulation in transdisciplinary mode. This model is the basis for the diagnosis and action planning herein: for the collective construction of communication relationships negotiated between participants of the network; for the creation of digital environments that provide spaces for learning to cope with information and communication; so that public communication experts may promote transparency of information as stated in the Constitution and the Law on Access to Information in Brazil. The model articulates methodologies for analyses of the individual and the network (Users Study, Social Network Analysis, multivoicedness) to obtain diagnosis and elaborate communication and information action planning. The model approaches were tested in different types of networks and are presented in this thesis.

Document Type Doctoral thesis
Language Portuguese
Contributor(s) Simeão, Elmira Luzia Melo Soares
CC Licence
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents