Document details

Contributos para a melhoria da eficiência de uma linha de produção da indústria automóvel

Author(s): Inácio, Diogo Alexandre Silvino

Date: 2016

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10362/19101

Origin: Repositório Institucional da UNL

Subject(s): Linha de produção; Posto de trabalho; Carga do posto de trabalho; Balanceamento; Produtividade; Eficiência; Domínio/Área Científica::Engenharia e Tecnologia::Engenharia Mecânica; Domínio/Área Científica::Engenharia e Tecnologia::Engenharia Mecânica; Domínio/Área Científica::Engenharia e Tecnologia::Engenharia Mecânica


Description

A instabilidade das economias gera muita incerteza nas entidades produtoras, que têm de encontrar soluções que lhes permitam subsistir e competir no mercado globalizado dos dias de hoje, um mercado com uma ampla oferta de produtos e serviços. No ano de 2015, a produção automóvel em Portugal reduziu em 3% comparativamente ao ano anterior. As fábricas do setor automóvel, cada vez mais definem políticas de longo prazo com o intuito de garantir a “sustentabilidade da sua produção”. É fundamental em uma indústria bastante competitiva, como a do setor automóvel, que as entidades produtoras definam estratégias que possam tornar o seu processo de produção o mais eficiente possível, i.e., produzir produtos com a mesma qualidade, consumindo o mínimo de recursos possíveis. A aplicação de metodologias para o estudo das operações nos postos de trabalho de uma linha de produção, têm demonstrado ser uma mais-valia, visto ser possível determinar o tempo de operação padrão do posto de trabalho, definir o processo de trabalho ou sugerir melhorias que possam aumentar o índice de produtividade e as condições de trabalho do operador. O estudo desta dissertação é alicerçado no Methods-Time Measurement – Universal Analyzing System (MTM-UAS), uma metodologia que determina o tempo necessário para um operador executar uma sequência de operações no posto de trabalho. O estudo é desenvolvido em vários postos de trabalho de duas áreas de produção de uma fábrica de produção automóvel: a Área de Montagem e a Área de Expedição do produto final. Assim, foi possível criar folhas de trabalho padronizado para cada posto de trabalho, definir o tempo padrão de operação para cada posto de trabalho, comparar os tempos de operação com o tempo de ciclo da linha de produção e é também proposta uma redistribuição do processo de produção para cinco postos de trabalho da Área de Montagem. Sugere-se para a Área de Montagem a redução dos atuais onze postos de trabalho por turno (vinte e dois por dia de produção) para nove postos de trabalho por turno (dezoito por dia de produção). Com esta proposta é possível um ganho da produtividade parcial do trabalho de 18,2% e a linha de produção têm um aumento parcial da sua eficiência de 12%, em cada turno de trabalho. Por razões de confidencialidade não é referido o benefício financeiro desta proposta, referindo-se apenas, que é na ordem das centenas de milhares de euros. Para a Área de Expedição não são propostas quaisquer alterações para os postos de trabalho analisados.

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Barroso, Ana; Machado, Virgínia
Contributor(s) Inácio, Diogo Alexandre Silvino
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents