Document details

Estudo delphi sobre o impacto das intervenções propostas ao "GAVI" para o fortalecimento dos sistemas de serviços de saúde

Author(s): OLIVEIRA, Ana Paula Cavalcante de

Date: 2009

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10362/19223

Origin: Repositório Institucional da UNL

Subject(s): Saúde pública; Recursos humanos em saúde; Sistemas de saúde; Ciência; Políticas de saúde; Brasil; Portugal; Domínio/Área Científica::Ciências Médicas; Domínio/Área Científica::Ciências Médicas; Domínio/Área Científica::Ciências Médicas


Description

CONTEXTUALIZAÇÃO: A prestação de intervenções eficazes e sustentáveis a um maior número de crianças é crucial para a redução da mortalidade infantil e o alcance dos Objectivos do Desenvolvimento do Milênio. Entre 2006 e 2010, uma parte significativa dos fundos da Aliança Global de Saúde para Vacinação e Imunização será investida no fortalecimento dos sistemas de serviços de saúde (GAVI HSS), para atingir e dar sustentabilidade ao aumento da cobertura de vacinas e a outros serviços (com ênfase nos cuidados de saúde materna e infantil). OBJECTIVO: Conhecer e analisar o possível impacto de uma amostra aleatória das intervenções propostas por 35 países ao Fundo da GAVI HSS, de Outubro de 2006 a Outubro de 2007, noutras áreas para além da vacinação. SUJEITOS DO ESTUDO: 21 especialistas da OMS, UNICEF e UNFPA, seleccionados com base na sua experiência profissional na área de Saúde Pública, Saúde Materno e Infantil; participaram no estudo Delphi entre Abril e Agosto de 2008. METODOLOGIA: O estudo foi realizado a partir de uma amostra aleatória de 10% das intervenções propostas por 35 países para o fortalecimento dos serviços e sistemas de saúde aprovados ao Fundo do “GAVI HSS”. A técnica de recolha de dados utilizada foi o Delphi. Os dados foram recolhidos em três rodadas, com o recurso a um questionário estruturado (com as intervenções selecionadas) e a um semi-estruturado (questionário demográfico). RESULTADOS: Foi alcançado consenso em 57 intervenções (70%), em que os especialistas consultados consideram que as mesmas terão um possível impacto em pelo menos uma das Atividades Relacionadas aos Cuidados de Saúde (ARCS) analisadas neste estudo (Atenção Integrada às Doenças Prevalentes da Infância; Cuidados Durante o Trabalho de Parto; Prevenção e Tratamento de Doenças Crônicas; Prestação de Serviços de Saúde; e Planeamento e Gestão de Serviços de Saúde). A maioria das intervenções que apresentará um possível impacto está relacionada com a “Prestação de Serviços de Saúde” e com o “Planeamento e Gestão de Serviços de Saúde”. O maior número de intervenções identificadas que possivelmente não apresentará impacto referem-se à “Prevenção e Tratamento de Doenças Crónicas”. CONCLUSÕES: Segundo os especialistas consultados as intervenções analisadas que tiveram o consenso atingido, terão impacto positivo noutras áreas para além da vacinação. Quanto à abrangência deste impacto, foi identificado que haverá uma variação entre as Actividades Relacionadas com os Cuidados de Saúde analisadas. De uma forma geral, as intervenções apresentarão um maior impacto nas áreas de gestão em saúde do que nas áreas dos cuidados de saúde.

BACKGROUND: Delivering effective and sustainable interventions to the greatest number of children is crucial for the reduction of child mortality and the attainment of the Millenium Development Goals. Between 2006 and 2010, a significant share of the Global Alliance for Vaccination and the Immunization funds will be invested in the strengthening of health systems (GAVI HSS), to achieve and sustain increased immunization coverage and other health services (with a focus on child and maternal health). GENERAL GOAL: To identify and analyze the possible impact a random sample of interventions proposed by 35 countries to the GAVI HSS fund, between October 2006 and October 2007, in other areas than accination SUBJECT OF THE STUDY: 21 specialists from WHO, UNICEF and UNFPA, selected on the basis of their expertise in Public Health, Maternal and Child Health, participated in a Delphi study between April and August 2008. METHODOLOGY: The study was conducted from a random sample of 10% of the proposed interventions by 35 countries to strengthen health systems and services for the approved Fund "GAVI HSS." The technique used to gather the data was Delphi. Data were collected in three rounds, using a structured questionnaire (with the interventions selected) and a semi-structured (demographic questionnaire). RESULTS: Consensus was reached on 57 interventions (70%) deemed likely to have a positive impact on at least one of the Care-Related Activities (CRA) analyzed in this study (Integrated Management of Childhood Illnesses; Intrapartum Care; Prevention and Treatment of Chronic Diseases; Health Services Delivery; and Health Service Planning and Management). The majority of these interventions that is more likely to have an impact is related to “Health Services Delivery” and “Health Service Planning and Management”. The highest number of interventions identified as unlikely to have a positive impact were related to “Prevention and Treatment of Chronic Diseases”. CONCLUSION: According to the experts consulted, the analyzed interventions, which had reached the consensus, will have a positive impact on other areas beyond the vaccination. As it has been identified that the scope of this impact will vary between the care related activities analysed in a general plan, the interventions provide a greater impact in the areas of healthcare management and in the areas of general health care.

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) DUSSAULT, Gilles; ROCHA, Cristianne Maria Famer
Contributor(s) OLIVEIRA, Ana Paula Cavalcante de
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo