Document details

Heranças, conquistas e novos rumos da leitura literária nos manuais escolares de português de 6º ano

Author(s): Vale, Shirley do

Date: 2014

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10400.1/7456

Origin: Sapientia - Universidade do Algarve

Subject(s): Promoção de leitura; Literatura infantil; Literatura juvenil; Leitura; Língua portuguesa; Manuais; Domínio/Área Científica::Ciências Sociais::Ciências da Educação; Domínio/Área Científica::Ciências Sociais::Ciências da Educação; Domínio/Área Científica::Ciências Sociais::Ciências da Educação


Description

O presente trabalho enquadra-se no âmbito da promoção e mediação da leitura do texto literário, no manual escolar de Português, do 6.º ano. Considerando a atualidade como um momento de viragem na história da leitura e da informação, dominada pelos media digitais, importa conhecer o lugar reservado à leitura literária, sendo esta a que, por excelência, potencia o trabalho com a cultura e a língua de um país. Numa primeira parte, procuramos dar a conhecer o papel que o domínio da leitura foi tomando nos documentos oficiais reguladores da aprendizagem da língua portuguesa (Programa de Língua Portuguesa de 1991, Programa de Português de 2009 e Metas Curriculares de Português de 2012). Ambicionamos também dar conta das leituras literárias promovidas pela escola contemporânea e do modo como os grandes textos da literatura infantojuvenil têm sido salvaguardados no discurso oficial. Numa segunda parte, apresentamos o estudo que resulta da análise dos textos literários apresentados em três manuais escolares de Português, adotados, pela primeira vez, no ano letivo de 2012/2013. Foi objetivo desta investigação compreender de que forma estes promovem a leitura literária, através da verificação dos critérios propostos pela tutela para a constituição de um corpus textual a trabalhar em sala de aula. Foram cinco os critérios analisados: representatividade e qualidade dos textos, integridade das obras, diversidade textual, intertextualidade e progressão. Da análise efetuada, pode dizer-se que, enquanto promotor e mediador da leitura literária, o manual escolar atual ainda apresenta muitas fragilidades que não potenciam a formação do jovem leitor. Esta ferramenta pedagógica está assim muito dependente da ação do professor que, mais do que nunca, deverá estar consciente da importância da literatura no desenvolvimento intelectual, linguístico e social do aluno.

Dissertação de mestrado, Promoção e Mediação da Leitura, Faculdade de Ciências Humanas e Sociais, Universidade do Algarve, 2014

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Carmo, Carina Infante do; Dias, Isabel Rosa
Contributor(s) Vale, Shirley do
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents