Document details

A relevância do justo valor: entidades com títulos cotados nas bolsas de Lisboa e de Madrid

Author(s): Veiga, José Carlos Rocha da

Date: 2015

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10400.1/8119

Origin: Sapientia - Universidade do Algarve

Subject(s): Justo Valor; Custo histórico; Euronext Lisbon; Tangíveis; Intangíveis; Domínio/Área Científica::Ciências Sociais::Economia e Gestão; Domínio/Área Científica::Ciências Sociais::Economia e Gestão; Domínio/Área Científica::Ciências Sociais::Economia e Gestão


Description

Apesar da normalização contabilística em torno das normas internacionais de contabilidade persiste uma grande polémica sobre qual deve ser a base de mensuração dos ativos e passivos, se a custo histórico, o tradicional, se a justo valor, que se aproxima mais do valor de mercado. Neste contexto pretende-se proceder a um estudo empírico, com base numa amostra de 35 entidades da Euronext Lisbon e 69 da Bolsa de Madrid (2007 a 2013), tendo como objetivo identificar os fatores que poderão estar associados à opção pelo justo valor dos ativos não financeiros e apresentados como não correntes e determinar em que medida a sua utilização influencia o valor de mercado das entidades. O resultado obtido revela que 19% das empresas da amostra utilizam o justo valor, com maior expressão nas entidades portuguesas (35% para 11% das espanholas). Conclui-se que a maioria das empresas (81%) continua a utilizar o custo histórico. O estudo revela que as propriedades de investimento e o país têm uma influência positiva na utilização do justo valor. Conclui-se igualmente que o mercado acionista é favorável à utilização do justo valor como critério de mensuração setorial, reagindo negativamente quando a sua utilização é mais generalizada (Portugal), dando argumentos para quem defende que a relevância das estimativas do justo valor depende da confiança que lhes são atribuídas pelos investidores. Considera-se que este estudo contribuiu para ampliar o conhecimento relativamente à aplicação do método de mensuração justo valor nos ativos não financeiros das entidades, tendo sido introduzido o fator cultural ibérico nesta análise.

Dissertação de Mestrado, Contabilidade, Faculdade de Economia, Universidade do Algarve, 2015

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Advisor(s) Fernandes, Joaquim Santana; Gonçalves, Cristina Isabel Ramos
Contributor(s) Veiga, José Carlos Rocha da
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents