Document details

Escherichia coli e a resistência antibiótica : uma análise do padrão de evolução da resistência da Escherichia coli aos antibióticos no distrito de Castelo Branco, de 2006 a 2008

Author(s): Silva, Mídana Felismino da

Date: 2009

Persistent ID: http://hdl.handle.net/10400.6/1048

Origin: uBibliorum

Subject(s): Escherichia coli - Resistência antibiótica; Escherichia coli - Prevalência; Escherichia coli - Tratamento


Description

O aumento inabalável da resistência da E. coli aos antibióticos e as diferenças geográficas na sua prevalência levam com que seja imprescindíveis os estudos locais de prevalências e das tendências evolutivas das resistências. Objectivo: Analisar a prevalência e as tendências evolutivas da resistência da E. coli no distrito de Castelo Branco de Janeiro de 2006 a Dezembro de 2008 Método: Trata-se de um estudo descritivo com uma abordagem quantitativa. Foram analisadas todos os resultados dos testes de sensibilidade aos antibióticos efectuados nos laboratórios de microbiologia do Centro Hospitalar da Cova da Beira e do Hospital Amato Lusitano, obtidos mediante sistemas automatizados para identificação e antibiograma (VITEK®) durante aquele período. Os isolados foram incluídos com base no perfil de sensibilidade e no tempo de isolamento. Resultados: Foram estudados 1138 isolados no HAL e 1714 no CHCB. Observou-se uma elevada taxa de resistência da E. coli à penicilina (> 40%) em ambos os hospitais durante os três anos em causa. Entre os isolados no CHCB observou-se uma tendência decrescente nas taxas de resistências entre 2007 e 2008, à excepção da taxa de resistência à ciprofloxacina que tende a aumentar. Relativamente a resistência dos isolados no HAL, observou-se uma tendência à estabilizar porém, as taxas de resistência à ampicilina e à gentamicina tendem a aumentar. No CHCB observou-se também uma reemergência dos isolados da E. coli produtores de ESBL. No HAL, apesar de se verificar uma ligeira diminuição na sua taxa de prevalência, esta ainda permanece elevada. Conclusão: O presente trabalho revelou as diferenças nas variações evolutivas das taxas de prevalência da resistência da E. coli entre duas regiões do distrito de Castelo Branco à semelhança das encontradas em outras investigações em diferentes regiões e países. Comprovando a necessidade de desenvolvimento de um compromisso local constante, no combate as resistências bem como na adaptação dos protocolos de tratamentos às realidades locais.

Document Type Master thesis
Language Portuguese
Contributor(s) Silva, Mídana Felismino da
facebook logo  linkedin logo  twitter logo 
mendeley logo

Related documents

No related documents